Coordenadoria de Direitos Humanos desenvolve projeto “Infância e Movimento”

0
268
Iniciativa é desenvolvida em paralelo com o Curso de Língua Portuguesa para Imigrantes

O Curso de Língua Portuguesa para Imigrantes, iniciativa de sucesso da Prefeitura de Araraquara que está em sua terceira turma, deu origem a um novo projeto. Trata-se do “Infância e Movimento”, que oferece um espaço de acolhimento e convivência para as crianças imigrantes, com atividades lúdicas que proporcionam a valorização das experiências de vida, construção de relações inclusivas e acolhimento das diversidades.

A coordenadora executiva de Direitos Humanos, Renata Fattah, falou sobre o objetivo da ação. “Os pais vão às aulas e com o tempo acabam até evadindo, muito em razão de não ter com quem deixar os filhos. Temos feito todo o movimento possível para colher os imigrantes e fazer com que eles não evadam do curso, para isso temos construído esse projeto, que vai funcionar em paralelo com o curso, no mesmo horário do curso, onde os pais podem ir às aulas e deixar as crianças com a assistente social, que vai desenvolver diversas atividades com as crianças nesse período”, comentou.

A assistente social da Coordenadoria de Direitos Humanos, Eddara Santos, é quem tem realizado as atividades com as crianças. “Os imigrantes apresentam em sua composição familiar crianças de diversas idades. Mediante a este cenário, e compreendendo as dificuldades dos imigrantes na construção de rede de apoio no município, os pais e responsáveis têm necessidade de levar as crianças para as aulas, pois não têm com quem deixá-los. Assim, o projeto Infância e Movimento apresenta como proposta atender as crianças que frequentam junto com seus pais e responsáveis o curso de Língua Portuguesa para Imigrantes. Busca a construção de um espaço de acolhimento e convivência, através de atividades lúdicas que visam a construção de relações inclusivas, a valorização das experiências de vida, a ampliação do repertório cultural de práticas distintas, além do acolhimento das diversidades. Será um espaço em que será dado a devida importância a este processo migratório e as experiências individuais de cada criança, e como ela ressignifica todo este processo vivenciado por ela”, salientou.

O Curso de Língua Portuguesa para Imigrantes é realizado por meio de uma parceria entre Escola de Governo, Secretaria Municipal da Educação, Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Participação Popular, Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Unesp, Rede de Atenção ao Migrante Internacional e o Centro de Línguas e Desenvolvimento de Professores da Faculdade de Ciências e Letras da Unesp Araraquara. As aulas são realizadas de modo presencial aos sábados, das 15h às 17h, no Núcleo de Educação de Jovens e Adultos (NEJA) “Irmã Edith”, que fica na Rua Voluntários da Pátria, 2154, Centro.

As inscrições para esta turma já estão encerradas. Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas pelo telefone (16) 99962-1212.

 
SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO
PREFEITURA DE ARARAQUARA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.