SENHOR, SERÁ QUE SÓ COMEÇANDO DE NOVO?

0
371

Colaboração: João Luiz Ultramari

Até onde a ambição levou o ser humano? Antes que o mundo se acabe devido às armas e guerras, talvez seja melhor recomeçar do zero, fazendo o oposto do que é feito hoje: eliminando os corruptos e começando com os honestos. Os políticos desonestos parecem ser incorrigíveis e insaciáveis. Mesmo com tantas notícias sobre corrupção e desonestidade, eles sempre encontram novas maneiras de desviar dinheiro público.

Na maioria das cidades, os problemas aumentam a cada dia, enquanto muitas autoridades permanecem inertes. Mas um dia serão cobradas, se não aqui, então pela justiça divina, isso é certo. O Brasil está nas manchetes mundiais e muitos pensam que está tudo bem, com aumento da arrecadação, empregos e a Amazônia sob controle, no enquanto, se esquecem de mencionar que a dívida pública está crescendo, que estamos entre os países mais endividados e sem cobrar uma reforma administrativa para garantir impostos justos.

Com o envelhecimento da população, os familiares muitas vezes não têm tempo para cuidar, contratando cuidadores, às vezes sem conhecimento das leis trabalhistas, convenções coletivas ou acordos sindicais, o que pode resultar em grandes dívidas para a família, especialmente se houver bens a serem inventariados ou se alguém da família tiver feito a contratação.

Quanto às cidades, muitas delas são destaque nos noticiários nacionais devido a situações absurdas criadas por irresponsabilidades. Os estados estão tentando negociar dívidas absurdas contraídas devido à má gestão, e o Brasil carece de um projeto claro para se tornar uma das maiores potências do mundo.

E assim vamos seguindo. Talvez seja por isso que começamos com a pergunta: “Senhor, será que só podemos começar de novo?”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.