Preços de repelentes sobem 15,78% em média desde dezembro em SP

0
206

Preços de repelentes sobem 15,78% em média desde dezembro em SP

Consulta do Procon-SP encontrou diferenças de até 84,19% para o mesmo produto em diferentes estabelecimentos; consumidor deve pesquisar bastante

São Paulo, fevereiro de 2024 – O Procon-SP realizou sua primeira consulta de preços de repelentes contra insetos de 2024, realizada para contribuir com os esforços de prevenção à dengue por meio de informações referenciais que auxiliem o consumidor no planejamento de seus gastos.

Comparando com levantamento feito em dezembro/23, os especialistas do órgão de defesa constataram reajustes de 15,78% em média, com diferenças que chegam a até 84,19% para um mesmo produto em estabelecimentos diferentes, enquanto Índice de Preços ao Consumidor IPC-SP da FIPE, referente ao mesmo período, teve variação de 0,84%

O levantamento foi realizado em cinco sites de drogarias/farmácias e consideram somente itens comercializados em, no mínimo, três sites visitados.

A grande diferença de preços entre estabelecimentos aponta para a necessidade de o consumidor pesquisar bastante antes de comprar seus produtos, ainda mais em um período de elevada demanda e considerando que não há tabelamento de preços no país.

O relatório completo pode ser acessado aqui

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.