Indagação nº 01

0
12

COLABORAÇÃO: JOÃO LUIZ ULTRAMARI

IRRESPONSABILIDADE DOS POLÍTICOS E DOS QUE OCUPAM CARGOS DE CONFIANÇA E DE QUEM TEM OBRIGAÇÃO DE FISCALIZAR E AGIR, MAS DIZEM AMÉM!

Precisamos dar um basta nas irresponsabilidades de parte dos políticos e de quem tem a obrigação de fiscalizar e agir, pois está saindo caro para a população, que além de pagar impostos e não ter retorno (saúde, educação, segurança e moradia), ainda paga pelos erros deles e nada acontece.

Além da área Municipal, Estadual e Federal, temos visto os valores das dívidas cada vez mais altos pelas irresponsabilidades de quem nos governa e seus assessores, especialmente pelo número de precatórios de valores absurdos em andamento, sem que tenham sido fiscalizados para saber a origem e por culpa de quem.

É um absurdo, por exemplo, o Município tem cerca de 1.695 precatórios trabalhistas, com valores absurdos que ex-servidores vão receber, o que praticamente é “ganhar na loteria”, pois tem precatórios altíssimos, algum ultrapassa R$ 2.000.000,00, com encargos e previdência social e segundo consta, tem valores maiores ainda.

Cadê a Câmara Municipal e autoridades competentes para apurar essas irresponsabilidades?

Pode pessoas com cargo de confiança entrar na Justiça contra a Prefeitura, mesmo pleiteando direitos que entendem serem seus e continuarem no cargo de confiança?

A Câmara Municipal acompanha essas situações e dívidas, balancete mensal de aumento das dívidas etc?

Voltaremos ao assunto.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.