Canal Direto fala das ações culturais pelo Dia do Circo

0
67
Foto: Divulgação

Entrevistadas, Bárbara Monteiro e Carolina Guimarães destacaram a programação sobre o tema em Araraquara

O Canal Direto desta quarta-feira (27), realizado pela Secretaria Municipal de Comunicação, ouviu a professora, artista circense, atriz e produtora cultural, Bárbara Monteiro, e a coordenadora municipal de Cultura, Carolina Guimarães, sobre o 27 de março, Dia do Circo, que falaram sobre as ações artísticas e culturais temáticas em Araraquara.

De acordo com Carol (Carolina Guimarães), a abertura pelo Dia do Circo seria no Palacete das Rosas, às 19h30 desta mesma quarta-feira, e outras atividades se darão na semana que vem.

Serão oferecidas oficinas envolvendo várias instituições da cidade, como Oficina das Meninas, Centro de Referência da Mulher e  Quilombo Rosa, e haverá um cortejo no encerramento das ações. As atividades são todas gratuitas e direcionadas a pessoas de todas as idades.

Segundo Bárbara Monteiro, a arte circense é manifestada há pelo menos cinco mil anos, na China e no Egito, entre outros lugares. “O mais interessante é que esta arte é múltipla, envolve muitas outras artes. A gente trabalha com contorcionistas, malabaristas, atores de teatro, artistas de dança e música, porque o circo tem essa função acolhedora, de agregar artes”, reiterou.

Conforme acrescentou Bárbara, em Araraquara também haverá um trabalho em grafite em homenagem à artista circense Julieta Hernandes, sob o tema “Julieta Presente, Julieta Semente”, apresentando uma escultura de bicicleta, além da apresentação do grupo feminino Bonde das Batukera, com “Batukeras cantam Julieta”, entre várias outras linguagens circenses.

Homenagem especial

Vale destacar que Julieta Hernandes, uma imigrante venezuelana, cicloviajante, palhaça e artista de circo, foi morta de forma violenta, pouco antes do Natal de 2023, quando ia para Puerto Ordaz, na Venezuela, onde reside sua mãe.

Passado algum tempo, ainda segundo Bárbara, quando o corpo dela foi encontrado na cidade de Presidente Figueiredo, no interior do Amazonas, no início deste ano, houve uma grande mobilização do público circense. “Por isso, o nome Julieta Hernandes virou um manifesto, uma resistência”, enfatizou.

Também vale ressaltar que o 27 de março foi escolhido como Dia do Circo por ser a data de nascimento do famoso palhaço Piolin. Abelardo Pinto, ou simplesmente Piolin, nasceu em 27 de março de 1897, em Ribeirão Preto.

SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO
PREFEITURA DE ARARAQUARA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.