Procon-SP vai acompanhar preços de repelentes e planos de saúde

0
78

São Paulo, fevereiro de 2024 – Em função do aumento dos casos registrados de dengue em todo o estado de São Paulo, especialmente na Capital, onde já foi confirmado um óbito, o Procon-SP vai apoiar os demais órgãos estaduais e auxiliar a população na prevenção da doença.

Neste sentido, serão feitas pesquisas de preços em itens como repelentes contra inseto, bem como o acompanhamento de ofertas de produtos e serviços, especialmente planos de saúde, que possam induzir o consumidor a erro ou que sejam caracterizados como abusivos, em relação ao Código de Defesa do Consumidor.

“Nós vamos participar das inciativas dos diversos órgãos do governo do Estado, para, dentro de nossa área de atuação, auxiliar os cidadãos-consumidores que precisem adquirir produtos e serviços relacionados com a dengue, durante estes meses. E isto inclui trabalhar também em sintonia com Procons municipais conveniados, levando nossa atuação para todas as regiões de São Paulo”, explica Luiz Orsatti Filho, diretor Executivo do Procon-SP.

A área de estudos e pesquisas do Procon-SP já foi demandada para estruturar a metodologia de pesquisa e identificar quais itens devem ser mais procurados pelos consumidores para se prevenir ou tratar a dengue. A intenção é que ainda este mês seja possível ter os primeiros dados para divulgar à população.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.