Governo quer estimular consumo de café

Programa de qualidade de produtos, criado pela Secretaria Estadual de Agricultura, foi lançado no Palácio dos Bandeirantes, no último dia 18, com o lançamento do primeiro Selo de Qualidade do Café.

Com o programa, São Paulo deu início a um processo de valorização do café brasileiro nos mercados interno e externo.

Durante a abertura do evento, o governador Geraldo Alckmin afirmou que a criação do Selo São Paulo para o Café Torrado e Moído agrega valor ao agronegócio, contribuindo para o aumento da exportação e a melhoria na renda do produtor.

Para o secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, João Carlos de Souza Meirelles, o novo selo ajudará a mudar a imagem do café brasileiro no mercado internacional, derrubando o velho conceito de que o País é apenas um grande exportador de café commodity (em grão verde), e tornando-o um exportador de café industrializado de alta qualidade.

Segundo previsão do secretário, em cinco anos, mais da metade da produção paulista, de 5 milhões de sacas de café (60 quilos), deverá ser exportada já industrializada.

Compartilhe :

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

5 dicas de tratamento durante o estágio inicial das varizes

Termina nesta quarta (19) as inscrições para o “Seminário de Enfrentamento ao Racismo Religioso e LGBTfobia nos Espaços de Matriz Africana” 

Comad realiza II Semana Municipal de Políticas sobre Drogas nos dias 24, 26 e 27 de junho

Araraquarense se voluntaria em Canoas, RS

Dia do Orgulho Autista: Grupo promove pesquisas e informação sobre Autismo

CATEGORIAS