Criação de Banco Municipal pode ajudar no tratamento de pacientes com doenças hematológicas

0
60

Vereador João Clemente (PSDB) sugeriu implantação do Banco Municipal de Coleta e Armazenamento de Sangue de Cordão Umbilical de Neonatos e Placentário

A literatura médico-hospitalar ensina que o sangue que resta no cordão umbilical e na placenta, após o procedimento de parto, é extremamente rico em células jovens e imaturas que possuem a capacidade de dar origem a todas as demais células do sangue – células precursoras da linhagem hematopoiética, as denominadas células-tronco hematopoiéticas, conforme informações dos sites do Hemocentro Unicamp, da Anvisa e da Rede BrasilCord.
O material coletado, com a devida anuência dos doadores, pode ser utilizado no tratamento de pacientes com doenças hematológicas e demais disfunções do sistema de produção ou funcionamento das células do sangue, quando há a necessidade de transplante, por exemplo.
É por isso que o vereador João Clemente (PSDB), por meio da Indicação nº 3.366/2021, propõe ao Executivo a criação do Banco Municipal de Coleta e Armazenamento de Sangue de Cordão Umbilical de Neonatos e Placentário, por meio de acordos de vontades com os demais entes federados, Estado de São Paulo inclusive, instituições de ensino, pesquisa e extensão (Unesp, Unicamp etc.), Hemonúcleos, Rede BrasilCord, entre outros. (Comunicação Social – Câmara Municipal de Araraquara)

Deixe uma resposta