“Canal Direto com a Prefeitura” destaca o mapeamento das mulheres no hip hop

0
49
Foto Pedro Junqueira - Divulgação - Viviane Ferreira, e da MC Mafe participaram do Canal Direto com a Prefeitura.
Programa desta terça-feira contou com a participação da b-girl e gestora da Casa SP Afro Brasil, Viviane Ferreira, e da MC Mafe

O “Canal Direto com a Prefeitura”, programa produzido pela Secretaria Municipal de Comunicação, recebeu em sua edição desta quarta-feira (7) a b-girl e gestora da Casa SP Afro Brasil, Viviane Ferreira, e da MC Mafe, que falaram sobre o mapeamento de mulheres que estão inseridas na cultura hip hop nos diversos territórios e da maneira como estão trabalhando os respectivos elementos na individualidade.

Viviane falou sobre o propósito da ação. “O mapeamento do hip hop de Araraquara surgiu de uma demanda que foi levada para a Coordenadoria de Políticas Étnico-Raciais, em uma vontade de ter uma construção maior de procurar as minas do hip hop de Araraquara.  Fizemos uma reunião e decidimos fazer esse mapeamento para procurar essas mulheres, as grafiteiras, as MCs, as DJs, as b-girls, para podermos somar e construir. Eu sei que tem as artistas que são mães hoje em dia, então estamos procurando buscar para ver onde estão essas mulheres, poder identificar onde elas estão, em que setor, e que elementos elas se identificam para podermos começar essa construção”, apontou.

Segundo a gestora, a coletividade precisa ser fortalecida dentro desse segmento. “As mulheres do hip hop foram se perdendo em Araraquara, começaram a trabalhar muito na individualidade e esquecendo um pouco do social. Enquanto b-girl e MC, faço parte dessa cultura, então estou sempre no movimento. Não parei, só parei no momento que eu fui mãe, mas dei continuidade. Então sinto essa individualidade, por isso a questão do mapeamento, para nos unirmos, unir a mulherada. Queremos a união”, reforçou.

Viviane também falou sobre as ações que serão desenvolvidas a partir dos dados obtidos. “O mapeamento está aberto por tempo indeterminado e vai ficar o ano todo. Mas após o Carnaval, vamos fazer uma reunião, pois já estamos com mais de 50 inscritas. Vamos fazer essa primeira reunião, esse chamamento geral para podermos ver onde cada uma se encaixa, ver qual é o elemento de cada uma e assim darmos continuidade nessas pautas”, acrescentou.

Perguntada se as oportunidades para homens e mulheres no hip hop são iguais, MC Mafe foi enfática. “Com certeza não. As mulheres, antes do hip hop, têm várias outras prioridades para pensar, como filho, casa, deixando muitas vezes de pensar até nela mesma. Então, até mesmo quando uma mulher consegue chegar a um certo patamar dentro do hip hop, sendo MC, b-girl, DJ, ela não é levada a sério.  Recentemente teve uma MC do Rio de Janeiro que lançou uma diss pra vários homens, só citando homens, não citou nenhuma mulher. E o que se viu foram os homens debochando como se fosse uma mulher fazendo música infantil. Se fosse um homem fazendo uma diss de outro homem, viraria a Terceira Guerra Mundial”, ressaltou a artista. Vale salientar que o termo ‘diss’ se refere à ‘diss track’ (literalmente traduzida por canção de insatisfação), que é uma canção criada com o único propósito de expor ou criticar uma pessoa ou um grupo de cantores.

Segundo Viviane, esse é um dos motivos que reforçam a necessidade do mapeamento. “Daí que vem a nossa proposta. Onde estão essas mulheres? Onde estão essas mães? Estamos com nosso card nos territórios, nos bairros. Se sentir dificuldade na inscrição, temos o Centro de Referência Afro, o Centro de Referência da Mulher, a Casa SP Afro Brasil. Estamos abertos e podem nos procurar. É uma pela outra, ninguém quer ser mais do que ninguém. Sabemos que em Araraquara tem mulheres no hip hop e a nossa ideia é fazer essa união para fazermos o nosso próprio evento”, concluiu.

 
Ao vivo

O “Canal Direto com a Prefeitura” vai ao ar de segunda a quinta-feira, às 12h30, ao vivo na página da Prefeitura no Instagram. A íntegra dos programas fica disponível para visualização no próprio Instagram, no Facebook e em outras plataformas digitais, incluindo o formato de podcasts.
SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO
PREFEITURA DE ARARAQUARA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.