Agenda Cultural

Final de semana com feiras, música, festa junina, circo, lazer, literatura e cinema

Semana Luís Antonio Martinez Corrêa

Nesta sexta-feira (14), tem início a 36ª Semana Luís Antonio Martinez Corrêa (Slamc). Às 20 horas, no Teatro Municipal, será apresentado o espetáculo “Cárcere ou Porque as Mulheres Viram Búfalos”, com a Companhia de Teatro Heliópolis (São Paulo/SP) e classificação para 12 anos.

No sábado (15), tem o espetáculo “E.L.A.” às 20 horas, no Teatro do Sesi, com Jéssica Teixeira (Fortaleza/CE) e classificação etária para 14 anos. Às 22 horas, é a vez do show musical “Canto pra Sobreviver”, com Ayô Tupinambá (São Paulo/SP), no Teatro Municipal.

O domingo (16) conta com a performance “Esperança Garcia: vozes que ecoam” (classificação 12 anos) e a leitura dramática “Para dar o nome #emcacos”, a partir das 17 horas no Teatro Municipal (classificação 16 anos). Às 19 horas, no Teatro do Sesc, será apresentado o espetáculo “Conforto”, com Ana Flávia Cavalcante (São Paulo/SP), com classificação 12 anos.

Na segunda-feira (17), a turma do Técnico em Teatro do Senac Araraquara apresenta às 14 horas, no auditório do Senac, “Desmontagem – Tal Vez, Sintonia”, com classificação 12 anos. O Café de Investigação “Encontro de pensamentos sobre os teatros contemporâneos”, com Jéssica Nascimento e Soraya Martins, será às 19 horas, no saguão do Teatro Municipal, com mediação de Gabriel Cândido.

Na terça-feira (18), o Teatro Municipal recebe a intervenção “Diálogos Absurdos”, com a 23ª Turma do Curso Técnico em Teatro do Senac (Araraquara/SP), às 19h30 (classificação livre); e também o espetáculo “Ana Marginal – um navio ancorado no espaço” (São Paulo/SP) às 20 horas (classificação 12 anos).

Quarta-feira (19), as atividades se concentram no Anfiteatro A da Faculdade de Ciências e Letras – Unesp, com programação a partir das 19 horas. Serão apresentadas a performance “Esperança Garcia: Vozes que ecoam” (classificação 12 anos) e a leitura dramática “Para dar o nome #emcacos” (classificação 16 anos).

Já na quinta-feira (20), o Teatro Municipal recebe o Café de Investigação “Encontro das ‘crias’ de Araraquara”, com Flávio Rodrigues, Mawusi Tulani e Nilceia Vicente, às 19 horas; e o espetáculo “Vaca”, de Bruna Betito (São Paulo/SP), às 21 horas, com classificação 16 anos.

Feiras

Nesta sexta-feira (14), das 18 às 22 horas, tem Feira da Lua na praça em frente ao Instituto de Química da Unesp, no Complexo Viário “Dr. Geraldo Amaral Arruda” (Rua Hugo Negrini, nº 405, na Vila Bela Vista), com aproximadamente 20 expositores, entre artesanato, praça de alimentação, brechó e música. A discotecagem com reggae e forró promete animar a festa.

No sábado (15), das 13 às 19 horas, acontece a Pets & Veg no Parque Infantil, no Centro, com uma edição especial de festa junina. Serão mais de 30 expositores oferecendo produtos criativos e deliciosas opções de alimentação vegana, típicas de festa junina. Às 16 horas, o cantor e músico André Peres apresenta o show “Canções Nordestinas”, com clássicos do cancioneiro nordestino para dançar e levantar poeira do chão em ritmo de xote, xaxado, baião e arrasta pé. Ele se apresenta com Haroldo Ribeiro e Ana Cláudia (percussão). Às 17h30, haverá o Bingo Solidário, com renda revertida para ajudar os animais de Araraquara.

Já no domingo (16), das 9 às 16 horas, será realizada a Feira do Botânico com economia criativa, arte, artesanato, brechó, culinária e desapego com expositores de Araraquara e região. A programação cultural apresenta a banda Soul da Ilha, às 14h30, com um show que apresenta “O melhor do Soul Music”, com um repertório variado contendo soul, black music e pop, com sucessos de Djavan, Tim Maia, Seu Jorge, Claudinho e Buchecha, Coldplay, Amy Winehouse, Bruno Mars, Michael Jackson, The Weeknd, James Brown, Bob Marley, entre outros.

Toda a programação é gratuita.

‘Prefeitura na Praça’

Nesta sexta-feira (14), na Área de Lazer “Antônio José Paterniani – Tom Zé”, no Jardim América, tem show com Nayara Inorro, às 19h30. Das 17 às 21 horas, o espaço estará com sua tradicional feirinha funcionando, com venda de espetos, refrigerantes e doces.

Música

Chega pro baile! Uma festa que celebra a riqueza musical da Bahia. Uma experiência sensorial com sabor de dendê que transporta as pessoas para o Recôncavo Baiano através de ritmos como samba de roda, axé, ijexá, samba-reggae e pagodão baiano. “Tocaya Bayana”, com Coletivo Tocaya, nesta sexta-feira (14), às 20 horas, no Sesc. Grátis e sem retirada de ingressos.

Arraiá da Bondade

Neste final de semana tem Arraiá da Bondade da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) na própria sede da entidade, na Avenida Cientista Frederico de Marco, nº 750, na Vila Xavier.

Na sexta-feira (14), o público poderá acompanhar os shows de Peppe Morvillo às 20 horas e a dupla Felipe Gabriel e Gustavo, às 21 horas.

No sábado (15), as apresentações musicais serão das duplas Jaime e Fernando às 20 horas, Rico e Santana às 20h30, e Romero e Gabriel às 21h30.

Já no domingo (16), às 20h30, o espetáculo musical com Emílio Carlos, Paula Crespo e Gê Zoom encerra a programação.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (16) 3305-6000.

Circo

Brigite e Begônia são duas amigas que nascem no mesmo dia, no mesmo horário e no mesmo circo. Após uma tentativa frustrada de fazerem parte do espetáculo, elas decidem partir, juntas, em uma aventura para descobrir o que sabem fazer de melhor. E não é que a resposta pode estar bem debaixo de um nariz vermelho? “Bem Debaixo do Nariz”, com Damião e Cia, no sábado (15), às 16 horas, na Convivência do Sesc. Grátis.

‘Ruas de Lazer’

No domingo (16), das 10 às 13 horas, o Centro de Educação e Recreação (CER) “Dona Carmelita Garcez”, na Rua Itália, nº 859, no São José, receberá a ação social “Ruas de Lazer”, projeto que é realizado nas regiões atendidas pelo programa “Prefeitura nos Bairros” e que oferece esporte, cultura e lazer para toda a família. Todas as atrações são gratuitas.

O encontro terá diversas atrações para as crianças, como piscina de bolinhas, camas elásticas, algodão doce, pipoca e atividades recreativas e esportivas com os monitores de educação física das Escolinhas de Esportes. Para os adultos, serão oferecidas aulas de ginástica geral com os professores do programa Saúde na Praça, além de oficina de artesanato com os monitores do programa Oficinas Culturais.

Choro das Águas

No domingo (16), tem Choro das Águas na Praça do Daae, na Fonte Luminosa, das 16 às 20 horas, com Feira de Artesanato (16 horas), oficina de chocalho para crianças, com Eduardo Marçal (17 horas) e “Discotecagem com Samba-rock” às 18 horas com DJ Lelee. Grátis.

Feira de Livros

Na segunda-feira (17), às 8h15, tem início a “Feira da Mário” no piso inferior da Biblioteca Municipal “Mário de Andrade”, com aproximadamente 1.000 publicações de livros usados em bom estado de conservação. O público poderá trocar obras já lidas por outras de seu interesse ou adquirir novos títulos a preços populares (R$ 2 a R$ 10).

Com entrada gratuita, a feira permanece até 21 de junho, das 8h15 às 19h30, de segunda a sexta-feira. A Biblioteca está na Rua Carlos Gomes, nº 1729, no Centro.

Literatura

A 3ª FliSol – Festa Literária da Morada do Sol está com edital aberto para participação na edição deste ano, que será realizada de 7 a 10 de novembro. O objetivo é revelar e divulgar novos valores literários e, assim, visibilizar a produção literária de Araraquara.

Podem se inscrever autores residentes em Araraquara, nas categorias “Literatura Infantil” ou “Literatura Jovem e Adulto”. Cada autor pode participar com apenas uma obra, contendo um livro. Ainda, o autor deve ser maior de 18 anos e ter publicado livro(s) inédito(s) nos últimos três anos, no período de 1º de janeiro de 2021 a 30 de junho de 2024.

A inscrição deve ser realizada exclusivamente online, através do link https://forms.gle/XNw26jkNtwavBskS9, até o dia 30 de junho ou até atingir o limite de 100 inscrições.

Serão selecionados quatro autores em cada categoria para participação nas mesas literárias. O resultado será publicado em 30 de agosto no site do Instituto Colibri e, junto com o resultado, serão informados também os dias e horários de cada participação.

+ Literatura

Em “Arte da Palavra”, as escritoras Ezter Liu (PE) e Sony Ferseck (RO) conversam sobre suas trajetórias e suas obras. O projeto é um circuito atuante em todas as regiões do país que estimula a formação de leitores e a divulgação de novos autores, além de valorizar obras e escritores brasileiros e as novas formas de produção e fruição literária. Com um circuito de autores e outro de apresentações que privilegiam a oralidade, pretende-se que diversas possibilidades de manifestações literárias sejam contempladas. Na quinta-feira (20), às 20 horas, no Espaço Garimpo do Sesc. Grátis.

Cinema

Muito quente! As piracemas não vêm na época certa e as pimenteiras acabam morrendo com tanta quentura. “É um tempo muito diferente, que nem os espíritos estão conseguindo entender.” De suas roças, casas e quintais, as mulheres indígenas da Amazônia nos envolvem em seu vasto universo de conhecimentos ao mesmo tempo em que observam os impactos das mudanças climáticas nos seus modos de vida. “Quentura”, às 20 horas, no Teatro do Sesc, na terça-feira (18).

Na sequência, às 20h40, “Yarang Mamin – Movimento das Mulheres Yarang”. No Território Indígena do Xingu, em Mato Grosso, o cineasta indígena Kamatxi Ikpeng documentou a história de um grupo de mulheres de seu povo, o povo Ikpeng, que formou um movimento para coletar sementes florestais e restaurar as nascentes do Rio Xingu, que passa por suas aldeias. O filme apresenta os desejos e conquistas do grupo, que integra a Rede de Sementes do Xingu e que já ajudou a plantar cerca de 1 milhão de árvores que formarão as florestas do futuro.

E às 21 horas, “Impactos Climáticos: Amazônia e Xingu em Perspectiva”. Em um diálogo sobre “Quentura” e “Yarang Mamin”, emerge a complexidade das relações entre as comunidades indígenas e o meio ambiente. Enquanto “Quentura” destaca os desafios enfrentados pelas mulheres indígenas da Amazônia devido às mudanças climáticas, “Yarang Mamin” oferece um vislumbre de esperança ao mostrar o Movimento das Mulheres Yarang, que trabalha para preservar a natureza e suas tradições.

As exibições serão seguidas de bate-papo com Mari Corrêa e Oreme Ikpeng, com mediação do professor Edmundo Peggion. A atividade é gratuita, com retirada de ingressos 1 hora antes.

Confira os filmes em cartaz na Moviecom (Shopping Jaraguá):

– A Semente do Mal

– Amigos Imaginários

– Assassino Por Acaso

– Avassaladoras 2.0

– Bad Boys: Até o Fim

– Furiosa: Uma Saga Mad Max

– Garfield: Fora de Casa

– Mallandro: O Errado Que Deu Certo

– Os Observadores

– Planeta dos Macacos: O Reinado

– Uma Vida de Esperança

Os horários das sessões podem ser conferidos aqui.

Confira os filmes em cartaz no Cine Lupo (Shopping Lupo):

– Assassino Por Acaso

– Bad Boys: Até o Fim

– Furiosa: Uma Saga Mad Max

– Grande Sertão

– Imaculada

– Os Observadores

Os horários das sessões podem ser conferidos aqui.

(Setor de Imprensa – Câmara Municipal de Araraquara)

Foto: Divulgação

Compartilhe :

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FERROVIÁRIA E REMO JOGAM NA SEGUNDA-FEIRA (15) EM MIRASSOL

GUERREIRINHAS SUB-15

GINÁSTICA DA MELHOR IDADE É CAMPEÃ

NATAÇÃO BRILHA NOS REGIONAIS

Araraquara ultrapassa Franca e assume liderança dos Jogos Regionais

CATEGORIAS