Treinos que ajudam na correção postural

0
191
Foto: Divulgação - Ronaldo Godoi

Ronaldo Godoi (*)

Não se sentir confortável ao sentar, deitar ou andar pode ser um sinal da coluna de que há algo errado. Normalmente, a origem das dores está na posição inadequada do nosso corpo. Os sintomas surgem com incômodos nos ombros, nas costas, perto da região do quadril e pode, inclusive, aparecer lesões em decorrência dessa má postura. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a lombalgia, que engloba dores na lombar, nas costas ou na coluna, é um dos principais problemas de saúde funcional nos países ocidentais industrializados, apontando que 20% dos adultos têm dores nessa região constantemente e 80% já experimentou pelo menos um episódio de dor nas costas durante toda a vida.

Para resolver ou minimizar o mal estar e não agravar ainda mais o quadro clínico, é possível dar ênfase no fortalecimento das musculaturas do core, área formada pelo abdômen e coluna, que são responsáveis por estabilizar o corpo e por manter a postura adequada. Os resultados são potencializados se, em conjunto, houver um treino completo que envolva costas, membros inferiores e superiores. A crise pode durar em torno de seis dias a dois meses e se, estiver muito intensa, não é aconselhável treinar nos primeiros dias para não agredir a lesão, já que a prática de exercícios físicos para prevenção deve ser mantida durante a vida inteira.

O treino mais adequado às pessoas com essas queixas leva em conta a avaliação individual de quais músculos estão tensionados, relaxados ou enfraquecidos. Mas, de forma geral, caminhadas leves e sem muito impacto, musculação com um foco estratégico na região do core e alongamentos, também podendo ser ioga e pilates, são aliados para fortalecer as regiões diagnosticadas e ajudar na amplitude dos movimentos evitando futuras lesões.

A longo prazo, esses exercícios físicos melhoram muito além da postura, mas também o condicionamento cardio respiratório diminui o risco de diabetes e garante mais disposição física, proporcionando uma vida mais saudável e sem dores.

(*) É educador físico e CEO da Red Fitness, uma rede de academias fundada em 2013 que oferece, além das modalidades triviais, a micro gym Red Burn – modelo patenteado de treino. Hoje, com quatro operações em  funcionamento e duas em implantação no Estado de São Paulo, a marca está em expansão das unidades para todo o País por meio do franchising. (Markable Comunicação – liliane@markable.com.br)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.