Teste o seu Português (647)

0
69

Prof.ª Dr.ª Terezinha de Jesus Bellote Chaman (*)

Tributo à minha (nossa) Tata

“O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os homens presentes, a vida presente”. (DRUMMOND, 1980, p. 108).

Era inverno. Júlia e José esperavam ansiosamente o primeiro fruto de seu amor. Em Araraquara, aos 20 dias de julho, eis que, de parto normal e em casa, nasce Marlene, Marlene Aparecida Bellote. A primogênita de mais quatro filhos. Marlene, uma criatura doce, sensitiva, generosa, inteligente… Desde sempre, uma busca incessante por fazer bem cada coisa, por amar a cada irmão, por amar aos pais, com dedicação extrema. Nossa casa, na Nove de Julho, sempre foi assim, cheia de colegas, com quem Marlene dividia seus conhecimentos. E dessa forma, ensinava aos irmãos menores a lição da acolhida, da solidariedade, da reciprocidade. Casada com João Primiano, nunca deixou de amar a família que a gerara. Tata e João, duas criaturas ímpares, abertas ao “Outro”, dando lições aos quatro filhos, de união, de partilha, no casarão da Gonçalves Dias.
“Somente quem se aproxima do outro, consciente ou inconscientemente, com a atitude ativa e de doação, em vez de pedido e dependência, tem condições de fazer do outro aquilo que o outro pode se tornar”. (ERIKSON, apud IONATA, 2011, p. 63).
O que dizer, senão que Marlene, a Tata, nasceu para amar, movida por um verdadeiro instinto de divino, por uma “relação de amor”, que parece confirmada cientificamente por recentes pesquisas da neuropsicologia (cf. IONATA, 2011, p. 08).
Sem falsos escrúpulos positivistas, uma mulher empoderada, no verdadeiro sentido do temo.
“Acredito na família!
Ela é o lugar privilegiado, onde a vida é transmitida.
Ambiente ideal,
Para se cultivar o amor entre as pessoas”. (MARTINELLI, apresentação da obra de José Filho, São Paulo, 2001, p. 06).
Parabéns por seu aniversário, maninha querida. Que venham muitos mais! E virão!

Teste o seu Português

01 – Ele leva sempre uma ___________, nos negócios comerciais que realiza.
a ( ) porcentagem;
b ( ) percentagem;
c ( ) porcentajem;
d ( ) percentajem.

02 – Precisa ter controle das emoções e da ___________, para tornar-se um grande estadista.
a ( ) coguinição;
b ( ) coguinisão;
c ( ) cognição;
d ( ) cognisão.

03 – Aquele pobre senhor sofre de ___________.
a ( ) epilepsia;
b ( ) epilepisia;
c ( ) epilepcia;
d ( ) epilepicia.

04 – Qual frase abaixo está absolutamente correta?
a – Os pulverisadores são empregados no combate as pragas.
b – Os pulverizadores são empregados no combate hás pragas.
c – Os pulverizadores são empregados no combate às pragas.

05 – Adoro colocar bastante ___________ no quentão.
a ( ) jenjibre;
b ( ) jengibre;
c ( ) gengibre;
d ( ) genjibre.

06 – Temos de ser cuidadosos com nossos clientes, durante a __________ de um contrato.
a ( ) vijência;
b ( ) vigência;
c ( ) vijênscia;
d ( ) vigênscia.

07 – Aquela moça é muito ___________. Pena que seja tão ___________!
a ( ) simpática – alcoviteira;
b ( ) cimpática – alcovitera;

08 – Um texto ___________, muitas vezes, é de fácil entendimento.
a ( ) sinópitico;
b ( ) cinópitico;
c ( ) sinótico;
d ( ) cinóptico.

09 – Comprei um lindo _________ de presente para o meu marido.
a ( ) polôver;
b ( ) pulover;
c ( ) polover;
d ( ) pulôver.

10 – Aquele gerente de banco é extremamente ____________.
a ( ) sectário;
b ( ) cectário;
c ( ) sequitário;
d ( ) cequitário.

(*) Pesquisadora do GEPEFA – Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Famílias.

Respostas

Resp 1.: a – b – Ele leva sempre uma porcentagem ou percentagem, nos negócios comerciais que realiza.
Percentagem ou porcentagem (= comissão sobre um valor de cem unidades).
Resp 2.: c – Precisa ter controle das emoções e da cognição, para tornar-se um grande estadista.
Cognição (= ato de adquirir conhecimento).
Resp 3.: a – Aquele pobre senhor sofre de epilepsia.
Epilepsia (= transtorno cerebral).
Resp 4.: c – Os pulverizadores são empregados no combate às pragas.
Resp 5.: c – Adoro colocar bastante gengibre no quentão.
Gengibre (= raiz usada como tempero).
Resp 6.: b – Temos de ser cuidadosos com nossos clientes, durante a vigência de um contrato.
Vigência (= tempo durante o qual um contrato vigora).
Resp 7.: a – Aquela moça é muito simpática. Pena que seja tão alcoviteira!
Simpática (= agradável).
Alcoviteira (= fofoqueira, mexeriqueira).
Resp 8.: c – Um texto sinótico, muitas vezes, é de fácil entendimento.
Sinótico (= resumido, sintético).
Sinótico ou sinóptico – São formas variantes, registradas em dicionários, mas a 2ª não ocorre. (Neves, 2003, p. 710)
Resp 9.: d – Comprei um lindo pulôver de presente para o meu marido.
Pulôver (= colete de malha de lã sem mangas).
Resp 10.: a – Aquele gerente de banco é extremamente sectário.
Sectário (= intolerante, intransigente).

OBS.: Colunista semanal dos jornais Diário do Grande ABC (SP) e Jornal de Araraquara (SP), Jornal Independente – Dois Córregos (SP), Tribuna do Norte – Natal (RN), Jornal de Nova Odessa (SP), Diário da Franca – Franca (SP) e Diário de Sorocaba – Sorocaba (SP) – Jornal de Itatiba – Itatiba (SP) – O Liberal Regional – Araçatuba (SP) – Diário da Serra – Tangara da Serra (MT) – Gazeta Penhense – Penha/SP.

Deixe uma resposta