Sofrimento não mata!

Sarah Coelho Silva (*)

Minha querida madrinha-vovó Maria dizia:

Sofrimento não mata ninguém, fortalece, ensina e educa.

Vovó Maria teve 21 filhos, 5 partos de gêmeos e criou 16.

Tinha um temperamento invejável, disposta.

Estava sempre sorrindo, e em atividades domésticas.

Gostava de jogar baralhos, era paciente e amorosa.

Seu hobby era a pescaria. Vovô Pedro mandou construir

Na fazenda Sofia, um açude para a vovó pescar.

Vovó Maria tinha mãos de fada, sua comida era deliciosa.

Quando cozinhava o feijão, o aroma dava água na boca.

A sua casa em Jaú, tinha muitos quartos.

No da vovó, tinha 6 camas, ela ficou viúva

Muito cedo. Muito amorosa o dividia com as filhas.

Eu adorava brincar nas escadarias daquela casa,

Principalmente no quintal, era enorme e protegido.

Ela gostava muito de conversar, contar suas histórias,

Tendo ajudado as suas filhas na educação dos netos.

Era muito religiosa, deixou muitos exemplos de bondade.

Nunca presenciei uma falta de paciência da vovó,

Simplesmente era uma pessoa corajosa e justa…

(*) É escritora e colaboradora do JA.

Compartilhe :

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Escola do Legislativo da Câmara promove curso sobre TDAH

O Brasil na crise do clima

A vida é assim mesmo

Biden joga a toalha. Recomeça a corrida presidencial nos EUA

Forme-se em Inteligência Artificial

CATEGORIAS