Secretário de Obras e Serviços Públicos apresenta números e projeções

0
131
Sérgio Pelicolla ao lado do apresentador Ander

Sérgio José Pelícolla participou da edição desta sexta-feira (10) do “Canal Direto com a Prefeitura – Especial Fim de Ano”

Na sexta-feira (10), o secretário de Obras e Serviços Públicos, Sérgio José Pelícolla, participou do “Canal Direto com a Prefeitura – Especial Fim de Ano”, programa oferecido pela Prefeitura de Araraquara, através da Secretaria de Comunicação, com o objetivo de sanar dúvidas dos moradores ao vivo em relação à gestão municipal. A entrevista foi transmitida ao vivo pelo Facebook da Prefeitura, onde o vídeo se encontra disponível para visualização.
Pelícolla iniciou sua participação com uma explicação sobre as atribuições de sua secretaria, que hoje compreende atividades diversas. “Ela cuida da pavimentação, que envolve projetos de pavimentação, recapeamento asfáltico, tapa-buraco, reparos em pavimentos e aprovação de novos empreendimentos, o que envolve a pavimentação também. Ela também cuida da drenagem, que faz a manutenção com reparos, limpezas e projetos de novas redes e aprovação de empreendimentos na cidade. Também temos a iluminação pública, que é responsável pela manutenção, projetos de novos empreendimentos relacionados à iluminação pública, manutenção de toda a rede existente, bem como novos projetos de praças e de novas áreas a serem iluminadas”, explicou.
Segundo ele, a pasta também engloba a parte de manutenção de próprios, que possui os setores de serralheria, carpintaria, pintura, hidráulica, elétrica, fábrica de artefatos em concretos e pedreiros. “Também fazemos na secretaria os orçamentos para licitações de obras, termos de referência, documentação necessária para as novas obras a serem licitadas e fiscalização das obras em execução. As empreiteiras ganham processo licitatório e a Secretaria de Obras faz a fiscalização. Dos novos empreendimentos, fazemos a fiscalização quanto à pavimentação. Esses empreendimentos cedem as vias para a Prefeitura, na parte de iluminação, e no recebimento dessas obras fazemos a fiscalização também. Na parte de drenagem acontece a mesma ação quanto à pavimentação nos novos empreendimentos, que aprovam os projetos na Prefeitura e nós acompanhamos a execução para saber se eles fazem exatamente como foi aprovado”, acrescenta.
A Secretaria de Obras e Serviços Públicos também abrange a fiscalização quanto a terrenos com mato, entulho, situação das calçadas e fios em desacordo com a normalidade. “Fazemos essa fiscalização com autuação e multas, em caso necessário. Temos a parte de administração de cemitérios, que são o São Bento e o Cemitério das Cruzes. Temos a parte de capinação, roçada, varrição de ruas ou próprios municipais, onde os contratos de outras secretarias não contemplam. Temos a limpeza de áreas públicas quanto a resíduos da construção civil, que são os entulhos, inservíveis, sofás, armários que o pessoal acaba jogando indevidamente e acabamos fazendo essa limpeza periodicamente. Fazemos também a recolha de galhos e de árvores quando ocorrem chuvas mais fortes e geralmente ocasionam essas quedas de árvores. Isso sem contar a manutenção de estradas rurais, onde nós também fazemos com os maquinários, dando acesso aos assentamentos e às estradas rurais. E também damos apoio em eventos e mutirões a todas as outras secretarias”, salientou.

PANDEMIA

Sérgio Pelícolla revelou que a Secretaria de Obras e Serviços Públicos foi muito afetada no período de pandemia da Covid-19, com o afastamento de servidores e colaboradores, muitos deles com comorbidades. “Nós também sofremos com o atraso de fornecedores de insumos, como cimento, ferro, porque houve uma retração de mercado no mundo todo e nós também sofremos com a retração. Mas em nenhum momento foram paralisadas as ações da secretaria. As equipes foram reduzidas e os serviços essenciais foram todos executados, sempre seguindo o protocolo da Secretaria de Saúde quanto ao distanciamento e uso de máscara”, pontuou.
Segundo ele, mesmo com o período crítico de pandemia, as obras deram continuidade. “Temos um número significativo de obras entregues, em projeto, andamento e licitação, totalizando até agora 161 obras. Foram entregues 36 obras de junho de 2020 até este momento, com um investimento superior a 21 milhões. Em andamento, estamos com 64 obras, também com investimento superior a 66 milhões. Temos 16 obras em processo de licitação no valor de 26 milhões. Em processo de projetos e orçamentos para licitar, são 45 obras, ainda sem o total do orçamento. Ao todo são 161 obras em andamento ou entregues. Somando as obras entregues, andamento ou licitadas, foi investido um valor acima de 114 milhões, um valor altíssimo”, explanou.

ORÇAMENTO PARTICIPATIVO

Pelícolla ressaltou que são muitas obras do Orçamento Participativo que foram dadas ordem de serviço. “As que foram entregues até agora foram 22. Estão em execução 21. Estão licitando duas obras e mais 13 que estão em fase de projeto e que são prioridades do governo. Como sempre diz o prefeito Edinho, Orçamento Participativo para nós é lei. E estamos cumprindo essa lei”, mencionou.

ILUMINA ARARAQUARA

O programa “Ilumina Araraquara” foi lançado em 2017 pelo prefeito Edinho, mas no ano passado ganhou um novo impulso com a assinatura do contrato de financiamento assinado com a Caixa. O mesmo contrato contempla a troca de toda a iluminação de vapor de sódio da cidade para LED.
Pelícolla relatou que o projeto segue em ritmo intenso. “Estamos executando um contrato que é o Ilumina Araraquara, mas anteriormente já havia sido executado outro contrato onde houve troca de iluminação em todo o quadrante central da cidade, além de alguns corredores do Hortências e Cidade Jardim. Neste contrato atual, grande parte já foi trocado e as equipes estão trabalhando. Ao todo, somando os dois contratos, nós trocamos aproximadamente 21 mil pontos de iluminação pelo Sistema LED, que proporciona uma economia maior tanto no consumo da energia como na parte de manutenção. Quanto às praças, estamos com 37 praças em andamento de obras, com três concluídas, quatro na fase final, 16 em obras e 14 a serem licitadas ainda. Há também áreas de esporte e lazer. O Parque Basalto já tem toda sua iluminação concluída e temos o Parque Pinheirinho, que é um projeto ambicioso nosso”, apontou.

SERVIÇOS PÚBLICOS

O secretário lembrou que todos os contratos de zeladoria e manutenção da cidade, como limpeza, roçada ou capinação, foram contingenciados, dando prioridade às despesas da saúde. “Temos que priorizar vidas. Nessa destinação, a Secretaria de Saúde teve uma atuação brilhante. Esse contingenciamento foi muito oportuno. Mesmo com o contingente baixo de e servidores apoiadores, alguns serviços foram feitos com equipe própria e não deixamos de atender as demandas mais urgentes”, assegurou.
Ele explicou que foram roçados na cidade 1.562.000 metros quadrados de área e foram removidas 9 mil toneladas de entulho ou inservíveis. “Foram feitos atendimentos em 96 bairros da cidade com 62.500 atendimentos de tapa-buraco. Consumimos 3.400 toneladas de CBUQ, que é a massa asfáltica, totalizando uma recuperação asfáltica de 32.071 metros quadrados de pavimento. E não é pouco isso, mesmo com a equipe reduzida. A expectativa é de melhorarmos substancialmente esses números”, garantiu.

METAS PARA 2022

Sérgio José Pelícolla se mostra empolgado para 2022. “No próximo ano, as perspectivas de retomarmos os contratos são as melhores possíveis. Já estamos licitando todos os serviços de zeladoria, temos muitos convênios da área de pavimentação e de recapeamento asfáltico, em fase final de assinatura. Vamos ter um grande número de vias recuperadas com esses convênios, e a nossa perspetiva é a melhor possível de garantir uma zeladoria de qualidade”, exaltou.
Ele aproveitou para deixar um agradecimento à sua equipe e também uma mensagem otimista. “Tenho que agradecer todos os servidores e apoiadores da Secretaria de Obras e Serviços Públicos porque esse ano foi muito difícil e eles não esmoreceram. Tenho uma enorme gratidão a toda a secretaria. Esse ano seremos muito mais combatentes quando à zeladoria da cidade porque teremos mais recursos. Desejo a todos excelentes festas, um santo Natal e que possamos ser muito mais felizes após essa terrível tragédia humanitária que assolou a humanidade”, concluiu.

A SÉRIE

No “Canal Direto com a Prefeitura – Especial Fim de Ano”, os secretários e presidentes de fundações e autarquia do governo falam, ao vivo, sobre as principais ações desenvolvidas por suas pastas durante a pandemia da Covid-19 em 2021, além de apresentar um panorama atual de suas atuações e comentar sobre as perspectivas para o próximo ano.
Os programas são diários, têm a duração aproximada de 20 minutos e são abertos para a participação dos internautas, que podem mandar suas perguntas e dúvidas pelo Facebook (www.facebook.com/prefeituraararaquara), nos posts da transmissão ao vivo. Quem não puder interagir em tempo real, terá a oportunidade de assistir ao programa posteriormente, na fanpage da Prefeitura.
A próxima entrevista será com a controladora geral do município, Josiane Michelli Silva dos Santos, que participará do programa de segunda-feira, dia 13, novamente às 15h.

(Secretaria de Comunicação – Prefeitura de Araraquara)

Deixe uma resposta