Secretaria inicia manutenção no sistema de galerias pluviais do Yolanda Ópice 

0
176

Soluções foram solicitadas pela vereadora Filipa Brunelli (PT) 

No mês de abril, a vereadora Filipa Brunelli (PT) havia protocolado a Indicação nº 2.523/2022, solicitando que a Prefeitura realizasse a manutenção asfáltica da Avenida Augusto Munhoz Perez, no Yolanda Ópice, além de uma avaliação técnica para buscar soluções à problemática de forma definitiva.

Segundo a parlamentar, o buraco no local colocava em risco as pessoas que ali transitam, sejam pedestres ou motoristas. “O buraco, causado pela obstrução das galerias da rua e pela erosão em razão das chuvas, tem aumentado dia após dia significativamente e já está atingindo por volta de três metros de profundidade”, completava em documento.

Recentemente, a Secretaria de Obras e Serviços Públicos atendeu às demandas de Filipa e prestou alguns esclarecimentos. O setor informa que o sistema de galerias de águas pluviais não se encontra obstruído, mas sim que a rede existente na via está subdimensionada para a área da bacia de contribuição que atende.

“Foi feita a implantação de galeria na rua da antiga Estrada do Ouro, porém falta concluir a travessia sob a linha férrea do local e, enquanto não forem obtidas as licenças junto à concessionária, não se pode executar a transposição. Assim, a rede está interligada provisoriamente na rede existente na Avenida Augusto Munhoz Perez”, completa a Secretaria.

Sobre o aumento do buraco, o órgão explica que a cratera é, na verdade, a antiga travessia da Estrada do Ouro que havia sob a linha férrea. “Com a urbanização do loteamento, o greide da Avenida Augusto Munhoz Perez, neste ponto, subiu aproximadamente 3,5 metros em relação à passagem. Ainda não foram executadas as obras de contenção necessárias, visto que não há disponibilidade orçamentária no momento para satisfazer a todas as demandas do município”, alega.

Por fim, a Secretaria afirma que, para solucionar o problema, deve-se concluir a implantação do novo sistema de galerias, que ainda aguarda as licenças para reserva orçamentária e a contratação de empresa para execução. “Para conter o desmoronamento do local, as próprias equipes de manutenção da Secretaria realizaram o reaterro e colocação de rachão, bem como fizeram a manutenção necessária no poço de visita ali localizado”, completa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.