Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência abre inscrições para curso gratuito de capacitação para profissionais que atendem mulheres com deficiência vítimas de violência

0
231
Aulas online são voltadas a profissionais de redes de proteção, como promotores, delegados(as) e assistentes sociais, e têm o objetivo de capacitá-los sobre como receber, atender e orientar mulheres com deficiência vítimas de violência a partir de um olhar empático
A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo abre, nesta terça-feira (18), inscrições para o curso gratuito de capacitação com o tema “O atendimento à mulher com deficiência vítima de violência”. O curso online será realizado em parceria com a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) e é voltado para profissionais de redes de proteção como promotores, delegados(as) e demais pessoas que atuam em delegacias, assistências sociais nos municípios e demais órgãos que atendem ou possam vir a atender essas mulheres.
As aulas abordarão conteúdos referentes à violência sofrida por mulheres com deficiência (veja os temas abaixo) e capacitarão os profissionais a como receber, atender e acolher essas mulheres de forma empática.
“O curso trata de como a mulher com deficiência que foi ou é vítima de violência deve ser recebida, atendida e acolhida por profissionais da rede proteção de forma adequada e empática. É necessário que todos os profissionais saibam como receber e lidar com essas mulheres, fazendo os encaminhamentos e prestando as orientações necessárias”, afirma a coordenadora do programa TODAS in-Rede da Secretaria, Caroline Reis.
TODAS in-Rede será ministrado por profissionais especialistas no tema na modalidade EaD e será organizado em 4 módulos, com aulas gravadas, indicação de material pedagógico e supervisão dos especialistas. Os temas abordados nas aulas serão: O contexto da mulher com deficiência vítima de violência; Marcadores sociais de gênero e raça; Capacitismo, o que é isso?; História da pessoa com deficiência com foco na história da mulher com deficiência; Deficiência Intelectual; TEA – Transtorno do Espectro Autista; Deficiência Auditiva; Deficiência Visual ; Surdocegueira; Deficiência Física; Legislação e Tipificação da Violência; Legislação e amparo legal; Tipificação de violência contra à mulher com deficiência; Como identificar as violências sofridas por mulheres com deficiência; Perfil das violências sofridas pelas mulheres com deficiência; Escuta Qualificada e Efetiva; Acessibilidade Instrumental; Tecnologias Assistivas: como garantir um atendimento de qualidade; Comunicação Alternativa; Pilares de Enfrentamento à mulheres vítimas de violência: A importância do trabalho em rede.
As inscrições se encerram em 18/5 e podem ser feitas pelo link https://apps.univesp.br/sdpd/. O curso de 40 horas terá início em 24/5 e término em 24/8. Os usuários que alcançarem 75% de participação serão certificados.
TODAS in-Rede
O programa TODAS in-Rede foi criado em 2020 e disponibiliza cursos para mulheres com deficiência com temas sobre trabalho, renda, autonomia financeira, prevenção à violência, autoestima, liderança e direitos afetivos, sexuais e reprodutivos. O programa incentiva a promoção do empoderamento e a emancipação dessas mulheres, favorecendo a melhoria da qualidade de vida e a inclusão social.
(Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência Assessoria de Comunicação e Imprensa)

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.