Saiba quando seu comportamento pode atrapalhar seu emagrecimento

0
198
Foto: Fonte internet

Médico explica que alguns hábitos podem atrapalhar a perda de peso

É comum que as pessoas pensem que a junção de exercícios físicos e dietas são os principais fatores para chegarem ao tão sonhado emagrecimento. Mas, o modo de pensar, agir e comportar afeta no seu resultado. As pessoas extremamente ansiosas são mais estressadas e propensas a comportamentos compulsivos e transtornos alimentares. Para emagrecer, você deve se comprometer com uma série de comportamentos, como alimentação, atividade física, hidratação, qualidade do sono, dentre outros.

O comportamento alimentar vai depender do estado emocional de cada indivíduo, que pode encarar a alimentação ou sua privação, como uma recompensa, ou um castigo. Dr. André Moreira, pós-graduado em endocrinologia e tratamento da obesidade, explica que o cérebro humano trabalha por recompensas, e é preciso trabalhar e fortalecer mentalmente para que ele consiga viver as situações do dia a dia sem ter a recompensa, ou que essa seja adquirida de outras maneiras, como através de atividades físicas. “Quando se trabalha o autoconhecimento e as emoções, se consegue melhorar o comportamento alimentar”, frisa.

Tão difícil quanto emagrecer, é manter o peso ideal e isso tem uma parcialidade de sua culpa. Logo após os quilos eliminados, o seu organismo apresenta alterações hormonais que aumentam o apetite, deixando o seu metabolismo lento, conhecido como mecanismo de compensação energética. “Esse efeito se dá quando o indivíduo executa uma atividade física e se sente no direito de realizar uma boa refeição para compensar o gasto calórico. O famoso: treinei, bati a meta, agora mereço um chopp ou uma pizza”, ressalta Dr. André.

COMO MANTER O PROCESSO DA PERDA DE PESO

Abandonar alguns hábitos nem sempre é uma tarefa fácil, especialmente nesse caso, que pode ser motivado por causas e razões mais profundas. E é por isso que todo o processo de emagrecimento deve ser acompanhado por especialistas. “O maior vilão de todo esse processo de não conseguir resultados continua sendo a dificuldade para manter a rotina com hábitos saudáveis, exercícios físicos e autoconhecimento”, destaca o médico.

O ideal é seguir um padrão alimentar que não agrida sua saúde e garanta seu bem-estar. Para isso é imprescindível ter por perto profissionais que entendam qual a melhor estratégia de perda de peso para você, de acordo com suas necessidades e seu comportamento alimentar.

Fonte: André Moreira, formado em medicina desde 2008 pela UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS – UFMG, pós graduado em endocrinologia e tratamento da obesidade. Instagram:@drandre.moreira (E- mail: [email protected])

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.