Projeto funciona em local anexo à unidade de saúde do bairro e leva o nome da enfermeira Paula Barea Fiochi

A Prefeitura inaugurou nesta sexta-feira (17) a Academia da Saúde Paula Barea Fiochi, no Jardim Adalberto Roxo. O projeto fica anexo à unidade de Estratégia de Saúde da Família (ESF) Doutor Antônio Carlos Pizzolitto, na Avenida Pablo Picasso.

A academia conta com equipamentos para exercícios físicos e alongamentos, bancos, sanitários com acessibilidade e área de convivência. O investimento foi de R$ 184.515,30, sendo R$ 90 mil de emenda parlamentar do deputado federal Arnaldo Jardim (Cidadania-SP) e R$ 94.515,30 de contrapartida municipal. A emenda do deputado foi articulada pelo vereador Edson Hel (Cidadania).

O programa Academias da Saúde foi criado pelo Governo Federal em 2011 e funciona em conjunto com as unidades de saúde, com foco no desenvolvimento de práticas corporais que visam à promoção da saúde e do bem-estar dos usuários. Em Araraquara, agora, são três polos do programa: Vale do Sol, Cruzeiro do Sul e Adalberto Roxo.

“As Unidades de Saúde da Família primam pela prevenção. E não há prevenção sem o estímulo à atividade física, sem o estímulo para que as pessoas cuidem da sua saúde e evitem doenças. Esta unidade que estamos inaugurando tem papel fundamental na construção da saúde pública”, declarou Edinho, que agradeceu ao vereador Edson Hel e ao deputado Arnaldo Jardim.

O prefeito ainda destacou a homenagem a Paula Barea Fiochi. “A cada usuário e cada servidor que entrar aqui, ler o nome da Paula e entender o seu legado, certamente, a Paula continuará se eternizando entre nós. O servidor que entender quem foi a Paula será um servidor comprometido com a construção da saúde pública”, afirmou Edinho.

A secretária de Saúde, Eliana Honain, falou sobre a Academia da Saúde como método de prevenção de doenças. “A gente inaugura um espaço para um dos grandes desafios que temos, que é fazer promoção da saúde. Um espaço para atividade física que vai proporcionar que as pessoas não adoeçam”, disse. Eliana ainda classificou a homenageada como “especial, cheia de vida, dedicada ao trabalho e sempre bem-humorada”. “Todos vão se lembrar da pessoa especial que ela foi. Uma pessoa que se dedicou à saúde da população de Araraquara”, disse.

O vereador Edson Hel agradeceu ao deputado Arnaldo Jardim pelos recursos enviados para Araraquara e também falou sobre a importância do espaço e da homenagem. “São 8.000 pessoas cadastradas na unidade de saúde, com 1.000 pessoas atendidas por mês. Eu me sinto muito feliz e agradecido por estar acontecendo esta inauguração. E com uma homenagem justa e necessária, porque a Paula dedicou sua vida a ajudar os mais necessitados e exerceu com amor e carinho a sua profissão”, afirmou Hel.

A deputada estadual Márcia Lia (PT) enalteceu o papel das enfermeiras na promoção da saúde pública, recordou sua convivência com Paula Barea Fiochi e falou sobre a conquista da população do Adalberto Roxo. “Queremos que este espaço seja um espaço onde as pessoas possam aproveitar e fazer prevenção em saúde”, pontuou.

Elisane Sandor, enfermeira da unidade de saúde do Adalberto Roxo, recordou a trajetória de vida da homenageada, sua amiga. “É uma pessoa que emanava luz. Sensível, brincalhona e sempre muito elegante. Que se dedicou a vida inteira à família e ao SUS. Era uma profissional exemplar. Esta é uma homenagem simples e singela, mas com muito significado para todos nós”, relatou.

Também estiveram presentes o presidente da Câmara Municipal, Paulo Landim (PT), e o vereador Alcindo Sabino (PT); o assessor Fábio Pádua, representando o deputado Arnaldo Jardim; as secretárias Sálua Kairuz (Desenvolvimento Urbano), Jacqueline Barbosa (Assistência e Desenvolvimento Social) e Amanda Vizoná (Direitos Humanos e Participação Popular) e o secretário Sérgio Pelícolla (Obras e Serviços Públicos); a diretora executiva da Fungota (Fundação Municipal Irene Siqueira Alves), Lúcia Ortiz; além de familiares da homenageada: Silvia (mãe), Cervantes (marido), Pedro e Manuela (filhos) e Renata e Fernanda (irmãs).

Homenageada
Paula Barea Fiochi, filha de Silvia Maria Barea Fiochi e Antônio Benedito Fiochi, nascida em Araraquara no dia 20 de fevereiro de 1977, foi uma enfermeira muito querida na cidade, com atuação na rede municipal de Saúde. Paula ingressou no curso superior em 1995, classificando-se em primeiro lugar no vestibular para Enfermagem na Fundação Hermínio Ometto (Uniararas), em Araras.

Após a conclusão do curso, Paula prestou concurso público para trabalhar na Prefeitura de Araraquara e foi admitida no ano de 1998 na Unidade de Saúde da Família do Jardim Santa Lúcia.

Na rede municipal de Saúde, também exerceu também funções no Ambulatório de Saúde da Mulher, nas unidades de saúde do Jardim Cruzeiro do Sul e do Yolanda Ópice e na USF do Jardim Adalberto Roxo. Também foi professora e ajudou a formar novos enfermeiros na Universidade Paulista (Unip) de Araraquara.

A enfermeira Paula prestou relevantes serviços ao município, sendo lembrada com muito afeto por pacientes e companheiros de trabalho.

Paula partiu ainda muito jovem, aos 40 anos de idade, em 17 de novembro de 2017. Foi casada com o pediatra Dr. Cervantes Corrêa Cardozo Júnior e deixou dois filhos, Pedro e Manuela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.