Prefeitura divulga relação de obras públicas dos últimos sete anos 

0
281

Vereador Lineu Carlos de Assis (Podemos) solicitou dados via requerimento 

 Em julho, o vereador Lineu Carlos de Assis (Podemos) enviou o Requerimento nº 541/2023 à Prefeitura, solicitando informações sobre as obras públicas que foram entregues nos últimos sete anos, as que estão em andamento, quais obras necessitaram de prorrogação de prazo e quais precisaram de reequilíbrio econômico financeiro, aumentando o valor inicialmente previsto.

Em resposta, o Executivo encaminhou uma planilha com 543 ocorrências, detalhando a secretaria à qual a obra se destinava, valores investidos, a empresa vencedora da licitação, o número do contrato, data de assinatura da ordem de serviço e o número de dias para conclusão.

Para o vereador, o objetivo do requerimento era ter uma consolidação de informações a respeito das obras públicas no Município, de modo a permitir o conhecimento público sobre o estado das obras promovidas na cidade. “Das 543 ocorrências enviadas pelo Executivo, muitas não se encaixam no nosso pedido, contendo, em meio à resposta, contratos para execução de laudo, aquisição de veículo, fornecimento de combustível, aquisição de EPIS, contratação de oficina de artesanato, locação de impressoras e até contratação de profissional do setor artístico para show”, pontua.

“O que buscávamos saber eram as obras públicas feitas nos últimos anos, como Ponte dos Machados, Teatro Municipal, reforma de próprios da Educação e Saúde, reforma na Casa de Acolhida, dentre muitas outras. Assim, objetivávamos controlar exatamente como foi o andamento das obras, se estão custando mais caro do que o inicialmente previsto, se os prazos definidos vêm sendo cumpridos e quantas prorrogações foram feitas. Com os requerimentos nós visamos cumprir uma função fundamental do vereador, que é fiscalizar. Para isso, precisamos de informações assertivas”, avalia o parlamentar.

(Setor de Imprensa – Câmara Municipal de Araraquara)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.