Parque Pinheirinho: história

0
139
Foto: Site Ferroviária S/A

Texto: Lineu de Assis

O Parque do Pinheirinho “Otaviano de Arruda Campos” foi inaugurado em 22 de agosto de 1975, um dos melhores da região com opções de lazer. Era chamado de Centro de Recreação do Trabalhador.
O parque que pertence ao Município tem duas represas, a menor era utilizada como captação da cidade, desativada há muitas décadas. A represa maior tem praias artificiais, palco para apresentações artísticas, bar e pedalinhos. O local tem quadras, campos de futebol, piscinas, espaço para diversas modalidades esportivas, bosques, áreas para churrasco e horta.

PINHEIRINHO & FERROVIÁRIA
Nos últimos dias surgiram relatos sobre a venda do CT do Pinheirinho para a Ferroviária S.A. o que merece considerações:
1. Medida total da área 138 mil m2 no valor de R$ 15 milhões, por metro R$ 108,00, um valor bem abaixo já que conta com estrutura de um C.T.;
2. Se existia possibilidade de venda, pergunta-se: por que a Prefeitura fez reformas e sistemas de irrigação, valores altos, no último ano?;
3. Precisamos saber por que a Prefeitura solicita emergencialmente a apreciação e aprovação da Câmara do patrimônio público tão importante que exige estudo com maior profundidade para deliberação correta?

IMPORTANTE RESSALTAR
Nada temos contra acionistas da Ferroviária S.A.; pelo contrário, como araraquarenses temos que agradecer. Afinal, esse modelo mantém os clubes no cenário mundial… não existem outros caminhos. Mas, refutamos a descaracterização do surgimento do Parque Pinheirinho como elemento de lazer, recreação e prática esportiva de Araraquara.

SUGESTÃO
Prefeitura de Araraquara deve ceder uma de suas inúmeras áreas ociosas, no regime de comodato para a FERROVIÁRIA S.A. cujo montante, R$ 15 milhões, poderá construir o sonhado Centro de Treinamento e, com o exercício desse Centro, possa colocar o clube progressivamente no topo do cenário brasileiro. Vejo aqui a melhor solução, Parque Pinheirinho continuaria como elemento de lazer, recreação e prática esportiva do povo araraquarense.

PLANEJAMENTO
Só para citar ações que geraram problemas por atitudes impulsivas, sem estudo aprofundado.
– Quando a Arena da Fonte foi municipalizada, ficou certo que os proprietários de Títulos Patrimoniais e os de Cadeiras Cativas seriam ressarcidos. Até hoje nada foi feito. Nem se fala sobre isso.

OUTROS FATOS
Na região da “Arena da Fonte” temos:
– Centro de Evento “Nelson Barbieri”.
– Barracão de Exposições, local da Facira.
– Ginásio de Esportes “Castelo Branco”.
– Praça da Arena da Fonte (fechar portões) para surgir amplo espaço.
– Arena da Fonte – moderno Estádio de Futebol.

CENTRO DE TREINAMENTO
Vem à tona a falta de Planejamento da Prefeitura: tínhamos o campo suplementar (treinamento) para abrigar moderno C.T. Por falta de planejamento ele foi vendido para ao mercado imobiliário impossibilitando o complemento do complexo. Não podemos continuar errando e para lembrar: estou vereador para defender nossa cidade e nossa gente, sempre!

 

 

Deixe uma resposta