Noeme conta os dias para Ultramaratona de Indaiatuba

0
93
Foto: Antonio Molina

Atleta e professora da Fundesport treina para completar 100 km em oito horas e meia e atingir índice para Mundial em Berlim

A atleta e professora da Fundesport, Noeme Pereira, foca nos últimos dias de preparação para um dos maiores desafios de sua carreira: vai disputar a Ultramaratona de Indaiatuba (na região de Campinas), cujo percurso é de 100 quilômetros, no próximo sábado 9 de outubro.
Com 21 anos de carreira, disputando por Araraquara provas de 800m, 5000m e 10000m, além de maratonas (42000m), Noeme treina desde julho, ou há cerca de três meses, percorrendo, em média, 30 quilômetros por dia, durante seis dias por semana, totalmente focada para a Ultra.
A meta é percorrer completamente os 100.000 metros em menos de 9 horas e alcançar o índice para disputar o Mundial de Ultramaratona, previsto para o final de agosto de 2022, em Berlim, capital da Alemanha.
“É a primeira vez que competirei numa prova oficial de Ultramaratona. Meu grande sonho é representar o Brasil num Campeonato Mundial de Ultra e colocar o país entre aqueles com os melhores resultados”, projeta.
Faltando menos de duas semanas para o grande desafio, Noeme diz já estar nos ajustes finais para a disputa “com o coração acelerado, à espera de uma excelente estreia”. Afinal, também será a primeira vez que ela irá competir numa prova oficial de Ultramaratona.
Ainda de acordo com a atleta e professora da Fundesport, os treinos dos últimos três meses foram realizados em estradas de terra de Araraquara, na Chácara Flora, e na Pista Atletismo Armando Garlippe do Ginásio da Pista.
Com este grande desafio pela frente, a previsão é completar os 100 km em 8 horas e trinta minutos. “Dessa forma, a vaga para o Mundial fica garantida”, projeta.

Histórico
Vale destacar que ao longo de sua carreira, Noeme Pereira já foi dez vezes campeã dos 10 mil metros em Jogos Regionais, cinco vezes campeã dos 5 mil metros, também em Jogos Regionais, e três vezes campeã em Jogos Abertos do Interior.
A mais recente conquista foi a medalha de bronze, em junho último, em São Paulo, no Campeonato Estadual Paulista Adulto.
Noeme formou na equipe de 24 atletas da Fundesport que trouxe para Araraquara um total de dez medalhas (três de ouro, uma de prata e seis de bronze) de uma competição de alto nível, que reuniu grandes atletas masculinos e femininos de todo o Brasil.

(SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO – PREFEITURA DE ARARAQUARA)

Deixe uma resposta