“Não podemos esperar milagres externos para

O tema foi escolhido pelos empresários, a fim de comemorar a fundação da Acia. O conferencista, de vasto conhecimento para encantar o auditório superlotado do Sesc e, devidamente antenado com a realidade mundial, apresentou generosamente a sua visão sobre as tendências de mercado do Brasil e assinalou, do alto de sua experiência, um diagnóstico em termos de Araraquara que pretende ser líder da região: falta traçar estratégia de desenvolvimento. A cidade é quase tudo…não basta. Tem que ser, por exemplo, “como Franca, a terra do calçado”.

O engenheiro e administrador de empresa foi apresentado pelo Ivo Dall’Acqua Júnior que, de propósito, fugiu da formalidade de uma apresentação técnica para anunciá-lo como um pensador de elevado gabarito, de invejável manancial de conhecimento para brindar nossa gente com uma palestra-aula de riquíssimas alternativas para entender a situação vivenciada pelo país.

Ivo Dall’Acqua destacou que Araraquara tem uma elite de pensamento e não de conjunto de bens econômicos. “Somos ricos no pensar e buscar caminhos a fim de construir uma sociedade mais justa”, disse.

Palestra

O Eng. Alejandro Huidobro descortinou sua visão sobre a economia, mostrando a realidade e pinçando desafios. Ateve-se aos pormenores da FMC, empresa fincada em alta tecnologia que faturou no ano passado 2,1 bilhões para, em seguida, indicar que economia é a ciência que tem por objetivo o conhecimento de fenômenos relativos à produção, distribuição e consumo de bens e serviços de uma sociedade.

A economia global, a dos Estados Unidos, Europa, Ásia (Japão e China) foram radiografadas pelo palestrante que conclui: “não podemos esperar milagres externos para resolver os nossos problemas internos”.

Desafios

Diante da conclusão, Dr. Alejandro alinhavou os desafios que exigem mudança de postura pessoal, empresarial e governamental.

“Devemos definir um rumo (estratégia bem definida) e tomar uma decisão baseada num tripé (tempo, saúde e esperança; educação, saúde e amor; produção, distribuição e consumo; social, político e financeiro ou demanda, salário e taxa de juros / inflação”, diz o conferencista com o auditório altamente receptivo.

Líder

O Dr. Alejandro, na esteira do desafio, reitera que todo negócio (país, empresa, instituição) precisa de um líder e todo líder tem que ter visão, realismo, paixão, agilidade, ação e ética. E uma equipe bem treinada “porque o brasileiro dá sempre resposta da mais alta qualidade”.

A conclusão, antes de aplausos demorados: “Eu acredito muito no Brasil” assevera o conferencista Alejandro Huidobro.

Compartilhe :

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Campanha Junho Laranja alerta para os sintomas da leucemia

Retorno ao escritório: dicas de ergonomia para um ambiente saudável e produtivo

5 dicas de tratamento durante o estágio inicial das varizes

Termina nesta quarta (19) as inscrições para o “Seminário de Enfrentamento ao Racismo Religioso e LGBTfobia nos Espaços de Matriz Africana” 

Comad realiza II Semana Municipal de Políticas sobre Drogas nos dias 24, 26 e 27 de junho

CATEGORIAS