Indicação propõe programa de reinserção social de dependentes químicos 

0
442

Vereador João Clemente (PSDB) se preocupa com desafios gerados pelo estereótipo da toxicodependência 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) classifica a dependência química como uma doença crônica e progressiva, uma espécie de disfunção da atividade cerebral caracterizada por sinais e sintomas advindos do uso de drogas.

Visando a amenizar os sintomas e malefícios da dependência química, o vereador João Clemente (PSDB) protocolou a Indicação nº 927/2022, sugerindo a criação do Programa Municipal de Incentivo ao Emprego e à Reinserção Social de Dependentes Químicos (Toxicodependentes – Adictos).

“Há muitos estereótipos sobre a toxicodependência, o dependente químico, além da carga de sofrimento que carrega acerca da dependência, também é estigmatizado, tornando a reinserção social um desafio para ele, para as famílias, para a sociedade e para o Poder Público”, argumenta o parlamentar.

Baseando-se no princípio de dignidade da pessoa humana e nos valores de fraternidade e caridade, Clemente propõe o programa que, segundo ele, ocorrerá por meio de palestras de convicção pessoal, seminários sobre empregabilidade e geração de renda, e cursos de formação e qualificação profissional.

(Comunicação Social – Câmara Municipal de Araraquara)

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.