Fala do vereador Lineu Carlos de Assis na Sessão da Câmara

0
524

Araraquara perdeu nessa segunda-feira, dia 31, o filho caçula de Miguel Ciomino, fundador da fábrica de bebidas “Irmãos Ciomino” e do refrigerante histórico desta cidade, o “Guaraná Mimosa”.
José Carlos Ciomino era formado em contabilidade e assumiu a fábrica em 1964. Com o falecimento do seu pai, aposentando-se no ano de 2007. Gostava muito de cantar desde seus quinze anos e cantou inúmeras vezes no famoso Clube 27 de Outubro, desta cidade. Foi presidente do Lions Clube Lions e do 15º Quarteirão de Amigos e também fez parte da Diretoria do Sindicato Rural.
Deixa esposa Maria Aparecida Cerne, com quem foi casado por 60 anos, e as
filhas Gina, Vanderléa, netos e um bisneto.

PREFEITURA DE ARARAQUARA

Uma questão que eu gostaria de colocar aqui é o “faça o que eu falo, mas não faça o que eu faço” da Prefeitura.

Na terça-feira (2) uma munícipe, e eu quero parabenizá-la, às 2 horas da tarde (e esperando desde o Meio dia), estava no saguão da Prefeitura para fazer seu trâmite junto ao Refis e a situação era de superlotação, sem o mínimo protocolo de saúde e todos “amontoados”. Quer dizer, você fala “não aglomere” e faz no seu habitat de trabalho, Prefeitura, uma aglomeração? Ela chamou a polícia e foi feito um boletim de ocorrência.
Então é hora de não só falar, mas dar o exemplo.

ESCOLA “LUIZ ROBERTO SALINAS FORTES”

Outro detalhe, que me causa espécie, é que na Sede da antiga Tv Morada do Sol, no Vale do Sol, nós temos a Escola “Luiz Roberto Salinas Fortes”, para contemplar toda aquela região de estudantes, de alunos. A Prefeitura fez uma licitação, será feita uma reforma no local e, por 24 meses, será pago um aluguel de R$ 16.700,00 mensais em um imóvel que atenda os alunos no período de reforma, no Jardim das Estações, a sete quilômetros do local.
Meu Deus, cadê a logística? Onde está o estudo disso? Como vai deslocar essas crianças? Como elas vão até lá? Como ficam os pais em uma situação dessas? Eu acho que antes de se tomar atitudes, é preciso pensar em logística, pensar no bem estar dessas pessoas. Lamentável, uma falta de planejamento (mais uma dentre outras) da Prefeitura Municipal de Araraquara.
Portanto, lamentamos tudo isso e gostaríamos que a Prefeitura começasse a fazer uma gestão de verdade, gestão técnica, com conhecedores do assunto em cada um dos departamentos, nas secretarias, autarquias, coordenadorias.

A cidade precisa de uma gestão mais empresarial e menos política.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.