Fala do vereador Lineu Carlos de Assis na Sessão da Câmara

0
279

A ESPERA DE UM MILAGRE

Texto: Vereador Lineu Carlos de Assis

Quantos “José Luiz Claudio” com 61 anos de idade continuarão a perder a vida pela longa fila de espera de atendimento médico?

Conforme o parecer do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, em um dos pareceres do ano de 2017, o indicador temático PLAN (Planejamento) revelou planos sensíveis da Administração Municipal de Araraquara, sendo as ocorrências ainda não regularizadas.

Continua ainda o parecer técnico “Com base nos relatórios do controle Interno, o Prefeito Municipal não determinou providencias cabíveis para parte dos apontamentos”.

Os referidos assuntos apresentados nos apontamentos técnicos do Tribunal de Contas do estado de São Paulo estão contidos nas metas dos Objetivos de desenvolvimento Sustentável da ONU.

Depois de ser orientado e advertido 3 vezes a cada ano da reprovação das suas contas, a Gestão Edinho Silva continua incorrendo nos mesmos erros.

Seria desumano da minha parte, estar em posse de um relatório apontando que o intervalo de tempo médio de espera, em dias, entre a marcação de exames clínicos solicitados na consulta da Unidade Básica de Saúde e sua efetiva realização vem sendo superior a 180 dias. In loco o TCE constatou que alguns exames e consultas com especialistas não ofertadas pela rede municipal de saúde tem significativa demanda reprimida, com longo tempo de espera.

Este apontamento foi feito em 2017.

Lamentavelmente um morador do Jardim das Hortênsias, Sr. José Luiz Cândido, 61 anos de idade, ficou na espera de um cateterismo por 2 meses, faleceu na manhã do último sábado dia 16.

A esta família que reside no bairro das Hortênsias vai a nossa manifestação de pesar e nossas condolências.

Mas aqui fica a nossa pergunta ao Prefeito de Araraquara:

Por que essas pessoas estão morrendo sem um atendimento médico digno?

Em favor de várias histórias semelhantes a estas que estão sendo alertadas e apontadas pelo TCE, avisando a grave situação de nossa cidade, me faz pensar que não posso ser favorável a aprovação das contas de quem diz salvar vidas, gastando dinheiro com propagandas, pregando aos 4 cantos do mundo, mas deixando morrer um senhor a espera de um procedimento de cateterismo que poderia continuar entre nós. Aqui fica registrado meu inconformismo com a falta de humanismo do Executivo de quem poderia ter feito algo para salvar esta vida e não o fez.

Salvar vidas? Um belo slogan, perfeito! Mas na prática ignoram e agem de forma irresponsável. Mais uma vergonha para nossa cidade.

Ontem, dia 18/07 fizemos um Requerimento junto a Prefeitura com vários questionamentos sobre a realização de cateterismos em nossa cidade. Na questão número 7, pedi informações e a posição oficial da Secretaria da Saúde a respeito desse episódio do dia 16. Eles devem vir a público sim e esclarecer à população. É um direito de todos nós contribuintes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.