(Editorial) Queimadas urbanas! Reclamações todos os dias

Não chove, como deveria, há muito tempo em Araraquara. A umidade relativa está abaixo da média, o que é prejudicial para a saúde. Se não bastasse, todos os dias a cidade é tomada por queimadas urbanas.

Pela manhã, ao acordar, já se sente o cheiro de fumaça tomando conta do ambiente. Além disso, as casas e quintais ficam cobertos por uma enorme quantidade de fuligem. E o DAAE pede para que a população economize água.

Quem mais sofre com esse ambiente são crianças e idosos.

Há casos de famílias inteiras com problemas respiratórios e até mesmo pneumonia.

A Prefeitura informou ter iniciado, em 15 de maio, uma força-tarefa contra queimadas urbanas, mas o que se vê e sente é que, nos quatro cantos da cidade, o fogo é flagrado constantemente. Se essa força-tarefa existe, ela não está dando conta da situação.

Algo precisa ser feito, e com urgência, para proporcionar um ar mais respirável para a população. Fica o apelo dos araraquarenses às autoridades responsáveis para solucionar o caso.

A população não pode mais esperar. As ações precisam ser intensificadas, e as medidas de fiscalização e punição para quem causa essas queimadas devem ser rigorosas. Além disso, campanhas de conscientização sobre os impactos dessas queimadas são essenciais para mudar essa realidade.

A saúde e o bem-estar dos moradores de Araraquara dependem de atitudes concretas e imediatas.

Compartilhe :

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Avançam as obras de reforma e ampliação do CER do Selmi Dei I  

“Prefeitura nos Bairros”: confira o total atualizado de serviços realizados na edição 2024

Execução do plano de recapeamento que vai atender 40 bairros segue no Melhado

Agenda Cultural

Agenda Esportiva

CATEGORIAS