Edinho participa da abertura do 1º simpósio municipal sobre o transtorno autista

0
218
Foto: Tetê Viviani

“A mudança começa pela inclusão! – Transtorno do Espectro Autista, Políticas Públicas de Atendimento e Garantia de Direito” foi o tema do simpósio, na Unesp

O prefeito Edinho participou nesta terça-feira (4), da abertura do I Simpósio Municipal “A mudança começa pela inclusão! – Transtorno do Espectro Autista, Políticas Públicas de Atendimento e Garantia de Direito”, realizado pela Prefeitura de Araraquara, por meio do Centro Municipal de Referência do Autismo “Aldo Pavão Júnior” e Escola de Governo do Município de Araraquara, em parceria com a Unesp.

A atividade, que faz parte da Semana Municipal de Conscientização do Autismo, instituída por lei municipal, teve também a participação da Profa. Dra. Relma Urel Carbone Carneiro, anfitriã que representou a Unesp no evento e na mesa de autoridades, das secretárias municipais Eliana Honain, da Saúde, e Clélia Mara dos Santos, da Educação; do secretário municipal de Direitos Humanos e Participação Popular, Marcelo Mazeta; da Diretora da Escola Municipal de Governo, Celina Garrido, e da gestora do Centro Municipal de Referência do Autismo “Aldo Pavão Júnior”, Karina Maia.

Os presentes na mesa de autoridades exaltaram a importância do debate sobre o autismo. Na abertura, o prefeito Edinho destacou a relevância do simpósio e enalteceu a parceria com a Unesp.

“É o primeiro simpósio municipal onde vamos debater a questão do autismo e avaliar as nossas iniciativas, principalmente do poder público, na construção de políticas públicas que de fato construam condições para o fim do preconceito e pela igualdade. Fico muito feliz cada vez que volto aqui na Unesp, porque sou filho dessa casa, e fico feliz da Unesp ter esse compromisso e esse engajamento com a comunidade”, afirmou Edinho. “O debate sobre o autismo é de extrema importância. O diagnóstico do autismo tem avançado nos últimos dez anos, porque quanto mais precoce for o diagnóstico, melhor para iniciar a acolhida e tratamento. Infelizmente, ainda enfrentamos muita discriminação, por consequência, exclusão, mas é gratificante ver que estamos avançando. Hoje, o autismo é detectado em estágios mais leves e as pessoas têm a oportunidade de serem incluídas na sociedade de forma mais respeitosa e cidadã”, acrescentou, destacando ainda o Centro Municipal de Referência do Autismo, inaugurado em 2020 pela Prefeitura. Um dos primeiros centros de referência do autismo públicos do estado de São Paulo tem como proposta de assegurar um novo modelo para atendimento integrado e multidisciplinar aos autistas de Araraquara e da microrregião. A unidade especializada foi um compromisso firmado com entidades ligadas ao tema.

“Todas as iniciativas mostram o quanto estamos investindo e que, de fato, as políticas públicas para autistas são prioridade no município. Claro que ainda há muito o que ser feito, mas o esforço da Prefeitura para a inclusão da criança e do adolescente autista é inegável. E é por isso que acredito que estamos no caminho certo e que juntos podemos mudar essa realidade, construindo uma sociedade mais inclusiva, empática e neurodiversa”, ressaltou o prefeito.

Edinho também agradeceu à Escola de Governo, na pessoa de Celina Garrido, pela organização e mediação do evento. “A Escola de Governo foi criada na nossa gestão e é de extrema importância. Um servidor bem informado, convencido de sua função, faz a diferença”, destacou.

Também estiveram presentes na abertura do simpósio Jacqueline Barbosa, secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social; Fernando Supesche, assessor de Políticas para Pessoa com Deficiência, e Danielle Prates, representante da deputada Estadual, Thainara Faria (PT).

Encerrada a abertura oficial, o simpósio seguiu com a palestra “Autismo, conhecer para incluir”, ministrada pela Profa. Dra. Relma Carneiro, e, em seguida, com a mesa redonda “O atendimento intersetorial à pessoa autista – políticas de inclusão e garantia de direitos”, com mediação da Escola de Governo do Município de Araraquara e participação do Centro de Referência do Autismo, Políticas Municipais de Atendimento em Saúde e Políticas Municipais de Educação e Inclusão, também com participação da Profa. Dra. Relma Urel Carbone Carneiro.

Ainda no evento, foi apresentado o vídeo intitulado “Pelas infinitas formas de ver o mundo”, sobre o autismo, produzido pela Secretaria Municipal de Comunicação.

SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO
PREFEITURA DE ARARAQUARA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.