Docentes de Medicina da Uniara fazem treinamento em manequins realistas de alta tecnologia

0
97

Atividade foi realizada na última quinta e sexta, dias 24 e 25 de março, no NITE da universidade

Na última quinta e sexta-feira, dias 24 e 25 de março, docentes do curso de Medicina da Universidade de Araraquara – Uniara fizeram um treinamento em manequins realistas de alta tecnologia. A atividade foi realizada no Núcleo de Inovação, Tecnologia e Empreendedorismo – NITE da instituição.

“Recebemos a professora Danielle Saad Nemer Bou Ghosn, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP, que ministra um curso de pós-graduação de educação e saúde. Ela é uma docente de treinamento no Laboratório de Simulação Realística para residentes, na pediatria de formação, e também para os residentes da clínica médica geral e cirurgia. Também atua no Centro de Simulação Realística do Hospital Albert Einstein”, relata a coordenadora interina da graduação, Cynthia Arruda Mauro Piratelli.

Ela conta que a convidada fez uma visita técnica “para que pudéssemos iniciar os trabalhos de capacitação permanente dos nossos docentes na elaboração de temáticas em simulação realística, e colocássemos nosso laboratório de simulação para funcionar”. “Esse laboratório reúne uma série de inovações tecnológicas e de comunicação, e espaços pedagógicos de bastante impacto nessa nova era digital e da tecnologia avançada, em que os simuladores são manequins que realmente protagonizam situações reais onde os treineiros – que podem ser estudantes de qualquer ano dos cursos de Medicina e Enfermagem, assim como internos dos últimos anos de Medicina ou até residentes já formados – pudessem fazer o treinamento de habilidades e competências no momento de estresse”, explica.

Esses simuladores são programados para “agirem de tal forma que as pessoas que estão fazendo atendimento sintam uma vivência muito real e possam colaborar coletivamente, por meio do trabalho em equipe, fazendo diagnóstico, conduta, prescrição e manobras que sejam importantes para salvar a vida do paciente naquele momento, com aquela intercorrência”. “Assim, podemos oferecer para o mercado de trabalho, para os programas de residência médica ou para hospitais do nosso município, pessoas que estejam mais qualificadas e bem preparadas para o atendimento das urgências e emergências em saúde”, destaca a coordenadora.

A atividade, segundo Piratelli, teve importante protagonismo no curso de Medicina. “Recebemos essa professora bastante orientada, que propôs um curso de capacitação permanente aos nossos docentes, para que possamos averiguar a possibilidade de inserirmos a simulação realística na matriz curricular atual da graduação, do primeiro ao sexto ano, e também para que possamos desenvolver, com cada docente ou preceptor, os protocolos e as rubricas específicas para cada área, e que sejam de interesse de todos na sua formação”, finaliza.

Informações sobre o curso de Medicina da Uniara podem ser obtidas no endereço www.uniara.com.br ou pelo telefone 0800 55 65 88. (Assessoria de Imprensa – assimprensa@uniara.com.br)

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.