Defesa Civil organiza estrutura da Operação Estiagem

0
79
Foto: Tetê Viviani

Os secretários municipais de Governo, Planejamento e Finanças, Meio Ambiente e Segurança Pública, Juliana Agatte, José Carlos Porsani e coronel João Alberto Nogueira Júnior, respectivamente, debateram a estrutura de apoio da Prefeitura e do Daae ao Corpo de Bombeiros durante a Operação Estiagem.

Também participaram da reunião, no Paço Municipal, na quarta-feira (18), o coordenador municipal de Proteção e da Defesa Civil Luiz Dell’aqua, coordenador municipal de Segurança Pública, Alexandre Pomponi; o coordenador regional da Defesa Civil, Amarildo Callegari; o diretor operacional Fernando Henrique Lourencetti, o diretor da rede de esgotos Antônio Souza Freitas Júnior, ambos do Daae; o 1º sargento do Corpo de bombeiros Marques.

A secretária Juliana Agatte ressaltou o trabalho integrado dos órgãos municipais na prevenção às queimadas, principalmente, no Assentamento Bela Vista e no Horto de Bueno de Andrada. “As ações preventivas são fundamentais, principalmente, com aceiros nos acessos à agrovila do Bela Vista e ao Horto de Bueno de Andrada”, sugeriu a secretária.

Porsani explanou as campanhas educativas realizadas pela pasta ambiental com distribuição de materiais e orientações verbais. “Educar as crianças é um método que funciona, pois elas irão cobrar os pais. Nossa equipe de fiscalização orienta e multa os infratores em casos de negligências. Este ano, aplicamos 55 multas”, informou Porsani.

A coordenadora de Serviços Públicos, Renata Bratfisch, esclareceu que a zeladoria na cidade é realizada com quatro tratores e, recentemente, foi realizada limpeza e aceiros na rodovia vicinal de Araraquara a Guarapiranga. “Nossa fiscalização é intensa e neste ano foram expedidas 617 intimações e dessas ocorreram 155 multas”, ponderou.

O 1º sargento Marques destacou o trabalho das usinas de cana de açúcar no combate aos grandes incêndios em área rural e a necessidade de se ampliar o grupo de combatentes na área urbana.

Callegari, que atua em 26 municípios da região de Araraquara, disse que “as previsões climáticas são preocupantes e reforçou a importância do mapeamento das áreas de risco para as ações preventivas de zeladoria”.

Mediador do encontro, o coronel João Alberto citou avanços da Defesa Civil com a inclusão de quatro novos guardas civis municipais, contratados mediante concurso público, a aquisição de nova viatura, tipo estrada com tanque para água, e da oficina preparatória regional para a Operação Estiagem sediada em Araraquara.

 “Nosso foco está na prevenção e nas ações integradas para auxílio ao Corpo de bombeiros no combate às queimadas. Organizamos com base nas informações obtidas na operação estiagem do ano passado, ações de inteligência e fiscalização da Guarda Civil Municipal para evitar e coibir a prática delituosa de incêndio em vegetação. O plano de contingência da operação estiagem de 2022 está sendo aperfeiçoado e será lançado em consonância com o plano do governo Estadual, devendo abranger o período de junho a setembro deste ano”, concluiu o secretário.

SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO
PREFEITURA DE ARARAQUARA

Deixe uma resposta