Como está o seu íntimo na atualidade

0
138

Juarez Alvarenga (*)

A vida nos bate e muitas vezes nos joga para o nosso interior entulhos acumulados com seu desenrolar ficando impregnado em nossa alma.

Somente o ser vivente tem a possibilidade de destruir tudo que nossa existência constroem de ruim. Alguns fazem dos problemas reservatórios cheios e tampados. Outros retiram o acumulo diariamente fazendo dentro de seu espaço acrobacias existenciais.

A primeira atitude sabia é criar barreiras consistentes contra o vírus da destruição psicológica. Se assim mesmo o vírus penetrarem perceba que a contaminação pode ser evitada. Parece que a maioria da humanidade o processo de destruição da alegria de viver encontra seu habitat natural nas profundidades de nosso intimo.

Tive uma vida humana e por isto com problemas, hoje percebo que devemos dar fluxos para que as dificuldades não alojem em nosso intimo definitivamente dilacerando o prazer de viver.

Não sou ser humano sem problemas, porém isto é impossível. Sou sim um detive que procuro desvendar os mistérios, impedindo que o crime da insatisfação instale em minha alma.

Dentro do seu interior existe problema morto ou anestesiado? Muitas pessoas aglutinam no seu intimo espaço que comprime seu conteúdo, dificultando o alastramento da felicidade. E como metástase dilacera no seu dia como veneno impedindo os frutos saudáveis da alma de nascerem.

Aprenda a matar seus problemas. Não contenta quando eles estão anestesiados. Para isto é necessária um balsamo brando nos tempos das tempestades. Busque e faça das águas das tempestades fluírem confortavelmente, limpando na sua trajetória todo óbice encontrado. Para isto cabe fazer de nossa fonte geradora brotarem águas cristalina e em constante produção.

Cabem a nós seres humanos desalojar de nosso espaço intimo toda mercadoria podre e também todos os problemas que permanecem em nós com validade vencida e em plena época de aposentadoria.

Dar adeus para os tormentos vivenciais é sacramentar a vida de motivação permanente.

Descubra como destruir as raízes de seus problemas, pois sabemos que é fértil demasiadamente e rica em reprodutora de frutos imperfeitos.

É natural dentro do relacionamento humano acabar em cinzas. E faça destas cinzas adubos que nos alimenta um novo relacionamento de experiências saudáveis.

Perceba que aquele amor de carnaval que fica anestesiado o ano inteiro, desencadeando na sua época tem que ser dilacerado e impugnado, pois ele provoca distanciamento da felicidade. Cabem as pessoas somente o direito de fazerem felizes, infelizes nem você mesmo. Nós seres humanos devemos ser instrumentos de propagação de coisas saborosas e recompensadoras. E com esta filosofia estará tirando de seu interior problemas anestesiados fazendo morrer definitivamente e eternamente.

Cortando as raízes as seivas destruidoras de infelicidade morrerão e nós teremos o prazer de levantar todos os dias com o pé direito.

Nascemos para arrancar os problemas e não somente evitarem. Eliminar é ser guerreiro vitorioso deste grande campo vivencial que nos pedem paz a todo amanhecer. E que seu bom dia para vida seja de exaltação.

(*) É advogado e escritor.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.