Começam as inscrições para o Concurso de Redação de Cartas de 2022

0
435

Tem início nesta segunda-feira (21), o prazo para as inscrições do 51º Concurso Internacional de Redação de Cartas, promovido pela União Postal Universal (UPU/ONU) e realizado no Brasil pelos Correios. Estudantes de escolas públicas e privadas de todo o país, com até 15 anos de idade, têm até o dia 18 de março para enviar as redações a estatal, por meio de suas instituições de ensino.

O objetivo é melhorar a alfabetização de jovens por meio da redação de cartas, incentivando a expressão da criatividade e o aprimoramento dos conhecimentos linguísticos de crianças e adolescentes. Este ano, o tema da redação é: “Escreva uma carta a uma pessoa influente para explicar por que e de que forma ela poderia tomar iniciativas para combater a crise climática.”

Para participar, escolas públicas e privadas devem selecionar, entre as redações de seus alunos, até duas cartas para representá-las na fase estadual. A melhor redação de cada Estado concorre aos prêmios da etapa nacional. Serão escolhidas três cartas, 1º, 2º e 3º lugar. A carta vencedora irá representar o Brasil na fase internacional.

A premiação para a escola e os alunos vencedores na colocação nacional é de até R$ 10,5 mil e até R$ 10 mil, respectivamente, além de outros valores para os primeiros colocados na fase estadual.

Todas as informações sobre o concurso, como formulário de redação, ficha de inscrição e endereço para o envio dos documentos estão disponíveis em https://www.correios.com.br/concursocartas.

Menção honrosa — No ano passado, na celebração da 50ª edição do concurso, a UPU fez um anúncio de grande importância para a história do certame no país. A estudante Luísa Tejo Salgado Catão, de 15 anos, que venceu a edição nacional representando o Colégio Nossa Senhora de Lourdes, em Campina Grande/PB, recebeu uma menção honrosa na fase internacional do concurso, onde disputou com alunos de mais de 60 países.

Na ocasião, Luísa Catão comentou a emoção e o reconhecimento que sua carta trouxe por meio do concurso: “A carta serviu para sintetizar tudo o que eu estava sentindo e, depois que as pessoas leram a carta, eu vi que muitas delas estavam sentindo a mesma coisa. Essa forma de identificação também me deixou bastante feliz, deu a ideia de que estamos todos unidos”. O tema de 2021 foi “Escreva uma carta a um familiar, contando sobre sua experiência da Covid-19”.

O Colégio Nossa Senhora de Lourdes também já conquistou outro prêmio do concurso, em 2017, com a carta da aluna Sabrina Brito Lira.

No interior do Estado de São Paulo, a vencedora estadual da 50ª edição do Concurso Internacional de Redação de Cartas foi a estudante Júlia Puga da Silva, de 15 anos, então estudante do 1º ano do Ensino Médio na ETEC – Prof. Carmine Biagio Tundisi, em Atibaia/SP.  A aluna e a escola vencedora receberam certificado, além das premiações de R$ 2,3 mil e R$ 2,5 mil, respectivamente.

Concursos anteriores – Na disputa internacional, o Brasil já ganhou 3 medalhas de ouro (1972/1988/2006), 2 medalhas de prata (1978/1980), 2 medalhas de bronze (1992/2015) e recebeu menções honrosas em 2009, 2012, 2016, 2017, 2018 e 2021. Na classificação internacional, o Brasil só é superado pela China (5 medalhas de ouro).

(Assessoria de Imprensa – Correios – Superintendência de São Paulo Interior – imprensaspi@correios.com.br)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.