COLUNA GEPOL

0
152
Buracos do Daae

Reportagem: Luigi Polezze

DAAE – RECLAMAÇÃO 1

Toda vez que o DAAE faz um conserto ou ligação de água, o local permanece por dias – e até meses – sem o devido acabamento. Já não basta a quantidade enorme de buracos e valetas que trazem prejuízos, aborrecimentos e acidentes? Um pouco mais de consideração para com os munícipes seria de bom agrado.

DAAE – RECLAMAÇÃO 2

A autarquia passou a cuidar, não só da água e esgoto, como também da limpeza de praças e vias públicas. Muitas praças estão abandonadas pela administração, e todos conseguem ver isso. Agora, são as ruas afastadas do centro da cidade que estão entupidas de lixo e, como um agravante, as chuvas de verão estão chegando, formando assim o risco de bueiros serem entupidos, provocando enchentes. Como ficam? Perguntamos ao DAAE, mas sem resposta até o momento do fechamento dessa edição.

  • Qual motivo de não ter mais varredores de vias públicas nos bairros? Até bem pouco tempo, ao menos uma vez por semana, havia esse serviço! Tem alguma resposta?

REFORMA

Questionamentos continuam sobre a restauração da Capela do Cemitério São Bento, fechada aproximadamente há quatro anos. O JA perguntou para assessoria de imprensa da Prefeitura.

– Há quanto tempo a Capela do Cemitério São Bento está fechada para o público?
– Existe um cronograma pronto para recuperação? Se existe, quando vai iniciar e o término, para quando?

Resposta: A pandemia de Covid-19 exigiu que a Prefeitura Municipal priorizasse seus investimentos em ações de combate à doença, suspendendo, dessa forma, alguns projetos e contratos.
Neste momento, em que a situação epidemiológica do município apresenta melhora significativa, está sendo possível retomar a contratação de projetos e realização de licitações para que a Prefeitura possa voltar a investir em outras áreas.
No caso da capela do cemitério São Bento, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano está atualizando o termo de referência para a contração do projeto de restauro. A partir da conclusão deste projeto, que é específico, será dado encaminhamento nos trâmites para a realização da obra.

MOTOCICLISTAS

Editorial sobre campanha dos Motociclistas teve grande repercussão. Nunca será demais, escrever sobre vidas. Principalmente, para essa categoria, que é mais vulnerável. Trazemos, dois dos vários depoimentos das redes sociais.

  • Deveria fazer para todos independentemente do veículo no qual conduz, pois vejo a maioria tanto de carro quanto de moto desatentos, mas principalmente com quem está de carro e vive com porcaria do celular na mão e a outra no volante, fora o fato que ainda nem a seta usa e quando faz o uso já bendizer exatamente quando já está virando ao invés de sinalizar antes. Só tá tendo barbeiro no trânsito dessa cidade…

  • Esses motoqueiros tem que terem mais responsabilidade no trânsito, coisa quê falta para eles, por isso que acabam morrendo…

Quem nos acompanhou até aqui tenha um excelente final de semana e até a próxima, se Deus assim o permitir.

 

Deixe uma resposta