Câmara Municipal: principais notícias de vereadores

Secretaria esclarece situação dos quiosques da passarela ‘Orival Ramalho’

No final de maio, o vereador Lineu Carlos de Assis (Novo) encaminhou um requerimento ao Executivo solicitando informações sobre os quiosques da passarela “Orival Ramalho” e a situação dos comerciantes ambulantes em Araraquara.

Assis lembrou ainda que foi feita a contratação de empresa especializada para implantação de dez quiosques para ambulantes na passarela no valor de R$ 359.760,75. “Após quase dois anos e um investimento total de R$ 686.824,25, podemos constatar que a iniciativa, até o momento, não atingiu seu objetivo, visto que praticamente todos os quiosques estão fechados e os comerciantes que seriam beneficiados continuam irregularmente nas ruas centrais da cidade”, apontou.

Em resposta, o vice-prefeito e secretário municipal do Trabalho, Desenvolvimento Econômico e Turismo, Damiano Neto (Progressistas), informou que, sempre que o Município toma ciência de um comerciante ambulante exercendo suas atividades de forma ilegal, realiza os procedimentos necessários para a regularização, portanto, não há um banco de dados dos que atuem ilegalmente, pois sempre que encontrado o mesmo é orientado até a sua regularização. “A ação é de conduzir o comerciante à regularidade. A fiscalização do comércio ambulante no Município é setorizada, havendo ações conjuntas e individuais dos seguintes setores: Sala do Empreendedor, Fiscalização de Posturas no Desenvolvimento Econômico e Vigilância Sanitária, além do apoio da Guarda Civil Municipal quando há a necessidade”, explica.

Ainda segundo ele, o Poder Executivo possui planos para a retirada das catracas do Terminal Central de Integração (TCl), o que resultará em um significativo aumento do fluxo de passantes pelo local. “Sendo assim, com a abertura realizada, os 15 ambulantes que foram habilitados e receberam a permissão de uso dos quiosques poderão contar com este aumento de fluxo de passantes para manter os seus comércios em atividade”, completou.

Atletas e atividades esportivas são remanejados durante reforma do Ginásio da Pista

Após ter recebido a resposta do Requerimento 130/2024, informando que o Ginásio “Guilherme Fragoso Ferrão”, mais conhecido como Ginásio da Pista, passará por uma reforma geral, o vereador Rafael de Angeli (Republicanos) voltou a questionar a Prefeitura sobre o tema.

Sem ter conseguido detalhes sobre o que será realmente feito e como os atletas serão realocados em outros espaços, o documento agora pede dados acerca dos critérios de seleção dos novos lugares para as equipes, informações da situação atual do projeto, plano de ação para reparos nos vazamentos do telhado e medidas para garantir a integridade e segurança do lugar até a conclusão dos reparos.

Em resposta ao novo requerimento, a secretária municipal de Esportes e Lazer, Milena Malheiros Pavanelli, explicou que o projeto da reforma do ginásio está em fase de licitação e a abertura do certame ocorrerá em breve.

Enquanto isso não acontece, o espaço permanecerá interditado até que o conserto do telhado seja finalizado. Durante o tempo em que estiver fechado, uma equipe de manutenção ficará responsável por fazer inspeções regulares, garantindo, assim, a segurança e a integridade da estrutura existente.

Sobre o remanejamento dos esportistas que usam o local para treinos, a titular da pasta afirmou que as atividades têm se concentrado no Ginásio de Esportes “Castelo Branco” – Gigantão – e na quadra poliesportiva “Urias Braga Costa”, que fica na Praça Scalamandré Sobrinho.

Moradores reivindicam pavimentação na Avenida Professor Expedito Lacorte

Após ser procurado por moradores da região a respeito da falta de pavimentação na Avenida Professor Expedito Lacorte, no Cidade Jardim, o vereador Rafael de Angeli (Republicanos) solicitou informações sobre o andamento da obra que foi eleita como prioridade no Orçamento Participativo (OP).

No documento, o parlamentar também pergunta se existe previsão para a realização do serviço na referida via e, em caso afirmativo, qual o cronograma estimado para a conclusão da obra. Além disso, Angeli solicita ainda um relatório detalhado sobre a execução das pavimentações nos bairros mencionados.

Processo de licitação para reforma da USF da Vila Biagioni está em andamento

No início de abril, o vereador Rafael de Angeli (Republicanos) encaminhou um requerimento à Prefeitura, pedindo informações sobre o andamento das obras de reforma da Unidade de Saúda da Família (USF) “Doutor Ricardo Rezende Cordeiro”, localizada na Vila Biagioni.

Em resposta, a coordenadora executiva de Atenção Básica, Talitha Martins, informou que o processo licitatório para a reforma da unidade está em andamento e todas as etapas estão sendo realizadas, de acordo com o Procedimento Administrativo. A representante da Saúde diz ainda que a empresa responsável pela referida reforma tem 120 dias de prazo para execução da obra, a contar a partir da primeira Ordem de Serviço.

Em relação ao atendimento da população pertencente à unidade, ela pontua que a assistência não será prejudicada neste período, pois a USF Pinheiros, que acolhe temporariamente os usuários e trabalhadores do serviço, é capaz de suprir tal necessidade temporária, por se tratar de uma unidade bem próxima ao prédio em questão.

Compartilhe :

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Pão de forma x bafômetro: o risco de fake news

Geraldo Polezze e José Benedicto passam a denominar espaços da Câmara

Santa Casa de Araraquara abre vagas para o cargo de Técnico de Enfermagem

H.Olhos recomenda 5 cuidados para prevenir o Olho Seco no período do inverno

Santa Casa de Araraquara recebe doação da Drogaria São Paulo

CATEGORIAS