As péssimas condições das ruas

0
293
Rua Anna Maria Sanches Luiz , frente a área de lazer no Bairro Santa Júlia.

Luigi Polezze

Todo mundo que anda pelas ruas com algum veículo se depara com um problema cada vez mais evidente: a falta de zeladoria nas ruas da cidade.

A verdade é que a prefeitura não busca reparar de verdade: apenas remendam ou fazem pequenos ajustes. Então, o que era para ser uma solução provisória torna-se definitiva. O problema ganha importância nas épocas de chuvas e tempestades, onde remendos foram levados pelas águas e os buracos foram agigantados.

A zeladoria só é feita em ruas de grande movimento – mesmo existindo áreas mais necessitadas – e que, muitas vezes, não apresentavam situação urgente. O exemplo mais recente foi o desdobramento na Rua Carlos Gomes, local onde foi feito novo asfalto. Mas era tão necessário? Existem ruas impossíveis de trafegar sem atingir buracos em bairros mais afastados – inclusive ocasionando acidentes – é bem comum observar a cena de carros em zigue-zague, tentando fugir sem sucesso dos buracos.

O problema se tornou tão sério que alguns munícipes começaram a reparar de forma privada suas ruas, seja por meio de pedras para tampar os buracos, areia, concreto, piche, criatividade é o que não falta (como demonstram as fotos).Como ocorre no Jardim Flamboyant. O condomínio lá presente é responsável pela manutenção interna das ruas. Ocorre que se utilizam de seus recursos, também, para cuidarem das ruas do externas.

Ruas públicas descuidadas por tanto tempo que foi necessária movimentação da população local para repará-las e, assim, manter uma qualidade de transporte pelo local.

A reportagem do JA teve a oportunidade de receber os comentários de um dos moradores que preferiu se manter anônimo: “Quando sobra material nosso, eles remendam os buracos nas ruas – que está puro buraco – e vão tampando com o resto do material, porém isso não é nossa responsabilidade, lá fora não. Mesmo assim chega uma hora que não dá mais, está cheio de buracos de novo”.

Levamos essa questão para prefeitura em busca de resposta sobre se há planos de longo prazo para reverter o problema. Não obtivemos respostas até a fechamento desta edição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.