Araraquara Rock se encerra no domingo (14) com sete bandas

Programação apresenta: The Troops of Doom, Cobra Spell, A Manger Cadavre?, Vazio, Capricorn, Tormenta, House Goes Down; portões do Teatro de Arena serão abertos às 16 horas

O último dia da programação do Araraquara Rock 2024, neste domingo (14), apresenta mais sete bandas no Teatro de Arena. Os portões serão abertos às 16 horas e o ingresso é gratuito e solidário com a doação de um quilo de alimento não perecível.

O Araraquara Rock apresenta shows que valorizam a cena de Rock e Metal fora do circuito comercial e apresenta um line-up para todos os gostos dentro do universo do rock/metal. Priorizando a cena independente, nomes consolidados da música pesada nacional figuram no palco do Araraquara Rock mais uma vez.

A programação de domingo apresenta: The Troops of Doom, Cobra Spell, Manger Cadavre?, Vazio, Capricorn, Tormenta, House Goes Down. O festival é livre para todas as idades, sendo que menores de 14 anos devem estar acompanhados por um responsável.

O Araraquara Rock é uma realização da Prefeitura Municipal de Araraquara, por meio da Secretaria Municipal da Cultura e Fundart – Fundação de Arte e Cultura do Município de Araraquara – em parceria com o Sesc Araraquara e com o apoio da Tribus Rock Store e da Rádio Hotmix.

Confira as bandas de domingo:

House Goes Down – House Goes Down surge em 2010, lançando o EP “Revolution”, com a proposta de tocar Metalcore que misturasse peso e melodia. Em 2011 inicia o trabalho do EP “Cold And Dark” que levou a banda para diversas cidades do interior paulista e capital. 2015 é lançado do álbum “O Ciclo”, trabalho mais técnico da banda, que marca o início de um hiato indefinido.
Após pausa entre 2015 e 2021, a banda retorna ao cenário com o EP “Treze”, já com uma nova atmosfera juntando elementos eletrônicos ao peso e vocais rasgados.

A formação da banda inclui Agner Torres, Rony Silva, Marcos Freire, Guilherme Haynes e Gabriel Do Vale.

Tormenta – Formada em 1998, em Ribeirão Preto, a Tormenta se caracteriza por se inspirar no Thrash Metal moldado à brasileira e oitentista, apostando em letras em português. Mas, a banda paulista nunca fechou seu leque, tanto sonoramente, quanto liricamente, sempre soando versátil, apostando em temas reflexivos, filosóficos e sociais.

Quatro anos após o lançamento de seu mais bem sucedido trabalho, o segundo ‘full-lenght’ “Batismo da Dor” (2019), a banda retorna com um novo EP que celebra os 25 anos de carreira do grupo. O novo EP, “Homo Deus”, é um elo entre seu Thrash tradicional e novos elementos. Gravado no Under Studio em Ribeirão Preto por Romulo Felício (Necrofobia), “Homo Deus” apresenta 4 faixas inéditas, mostrando toda identidade dentro do Thrash e expandindo a sonoridade da banda para um horizonte maior.

O EP marca o retorno do baterista Luis Fregonesi, repetindo a formação que gravou “Batismo da Dor”, que é completada por Rogener Pavinski (vocal/guitarra), Flávio Santana (guitarra) e Fernando Henriques (baixo).

Siga a Tormenta: www.tormentametal.com e redes sociais – Facebook  (/tormentametal ) e Instagram (@tormenta_oficial). Tormenta é: Rogener Pavinski, Flávio Santana, Fernando Henriques e Airam Souza.

Capricorn – Com a proposta de tocar Deathcore sem muitos rodeios, em 2023 surge a Capricorn. A banda inicia sua trajetória lançando o EP intitulado “O Fardo”, que é extremamente bem recebido pelo público do nicho.

Com 3 clipes lançados, a banda vem divulgando o trabalho, buscando se consolidar como nome forte do segmento no Brasil.

A Manger Cadavre? – A Manger Cadavre? (Comer Cadáver?) é uma banda que se originou no hardcore, que atualmente caminha no death crust, de São José dos Campos, interior de São Paulo, que está em atividade ininterrupta desde 2011.

Em sua trajetória, contam com diversos lançamentos que registram o amadurecimento dos integrantes, sem abrir mão do espírito “faça você mesmo” do hardcore. A formação atual apresenta: Nata (vocalista), Marcelo Kruszynski (baterista), Bruno Henrique (baixista) e Paulo Alexandre (guitarrista).

Entre singles, splits, EPs e três álbuns completo, destacam-se os EP “Senhores da Moral” (2016) e “Revide” (2017), e os álbuns “AntiAutoAjuda” (2018) e “Decomposição” (2021). Após encerrar a tour de lançamento do novo trabalho, “Imperialismo”, com um total de 55 shows pelo Brasil e o primeiro giro pela América Latina, em 2023, a banda segue com shows pelo Brasil e se prepara para o primeiro giro na Europa, na qual tocará em grandes festivais, como o Obscene Extreme Festival, da República Tcheca.

Conheça mais: Facebook (mangercadavre), Instagram (@mangercadavre), Twitter, YouTube (/mangercadavre) e no Spotify.

Vazio – Fundada em São Paulo, em 2016, a banda de black metal Vazio é formada por experientes músicos de bandas como Armagedom, Social Chaos, Nuclear Frost e Creptum.

A sonoridade obscura do Vazio possui traços de música experimental e ritualística. A banda já se apresentou em festivais junto com grandes nomes da música extrema como Mayhem, Uada, Belphegor, Incantation, Krisiun, Crypta e Ratos de Porão, inclusive realizando uma turnê europeia com 23 shows em 2017.

Atualmente o lançou seu segundo álbum completo chamado Necrocosmos, após o aclamado disco de estreia, o “Eterno Aeon Obscuro” e segue em tour pelo Brasil. Ainda em 2024 está agendada um tour de 28 shows pela Europa em agosto e setembro.

Vazio é formado por: Renato Gimenez, Daniel Vecchi, Crick Nilson e Eric Cavalcante. Mais informações: www.vazio.bandcamp.com .

Cobra Spell – A nova potência do hard/heavy feminino mundial, Cobra Spell, é formada pela guitarrista Sonia Anubis (ex-Crypta, ex-Burning Witches), a vocalista Kristina Vega, a baixista Roxy Herrera, a guitarrista brasileira Noelle dos Anjos e a baterista Hale Naphtha. A banda vem conquistando o mundo com seu mágico hard/heavy oitentista.

Formada em 2019, a banda estava preparada para conquistar o mundo, quando logo chamou a atenção da poderosa gravadora Napalm Records (Jinjer, KK’s Priest, Kamelot, Nervosa, Crypta) que lhes ofereceu um contrato e, no dia 1º de dezembro de 2023, lançou o álbum de estreia “666” – um verdadeiro manifesto contra as limitações impostas às mulheres.

Vale destacar que “666” não é apenas boa música, mas um ato de rebelião contra a desigualdade de gênero, um grito pela liberdade de expressão e uma luta para desestigmatizar a liberdade sexual das mulheres.

A Cobra Spell tem se apresentado em alguns dos mais importantes festivais europeus e, em abril, fez uma turnê pela Espanha com ingressos esgotados em vários shows. Agora, em julho, a banda sai em tour pela América Latina pela primeira vez: serão ao todo 16 shows, sendo 9 no Brasil, além de apresentações no Paraguai, Argentina, Bolívia, Colômbia e 3 no México. E o Araraquara Rock terá o prazer de ter em seu line-up as garotas da Cobra Spell!

Mais informações no Facebook, Instagram e YouTube (cobraspell).

The Troops of Doom – A banda The Troops of Doom foi formada em 2020, durante a pandemia, pelo guitarrista da formação original do Sepultura, Jairo “Tormentor” Guedz, que gravou os discos “Bestial Devastation” (1985) e “Morbid Visions” (1986). Jairo deixou a banda em 1987, dando seu lugar a Andreas Kisser, que segue na banda até os dias de hoje.

Completam a formação do The Troops of Doom outros importantes nomes do cenário metálico brasileiro, como o guitarrista Marcelo Vasco (Patria, Mysteriis), também artista gráfico mundialmente conhecido por trabalhar para bandas consagradas como o Slayer, Dee Snider, Kreator, Machine Head, Soulfly entre centenas de outras, o vocalista e baixista Alex Kafer, que já foi guitarrista ao vivo do Matanza, e o baterista Alexandre Oliveira, ex-integrante da banda Tianastácia.

O nome The Troops of Doom vem da música “Troops of Doom”, do Sepultura, que é uma das mais icônicas da carreira de Jairo Guedz e dos primórdios da banda, sendo tocada e ovacionada até hoje nos shows. Um verdadeiro clássico do Metal mundial.

Aclamado pela mídia especializada como um supergrupo, o The Troops of Doom surgiu para resgatar o bom e velho Death Metal dos anos 80, inspirado obviamente pelo próprio Sepultura, na era de Jairo e além, e também por bandas que foram responsáveis por forjar e aprimorar o gênero, como o Slayer, Celtic Frost, Kreator e Possessed. Em agosto a banda embarca para sua primeira tour europeia.

SERVIÇO:

Araraquara Rock 2024

–   Sexta (12 de julho), no Sesc Araraquara

Programação: Supla e os Punks de Boutique

Local: Sesc Araraquara (Rua Castro Alves, 1315 – Quitandinha)

Horário: 20 horas

– Sábado (13 de julho), no Teatro de Arena

Programação: Black Pantera, Der Baum, Emphuria, A Place for Me, Asfixia Social, Nebraska Inn, Refuse

Local: Teatro de Arena (Av. Adhemar Pereira de Barros, s/n° – Melhado)

Horário: abertura dos portões às 16h

–  Domingo (14 de julho), no Teatro de Arena

Programação: The Troops of Doom, Cobra Spell, Manger Cadavre?, Vazio, Capricorn, Tormenta, House Goes Down

Local: Teatro de Arena (Av. Adhemar Pereira de Barros, s/n° – Melhado)

Horário: abertura dos portões às 16h

Grátis – doação de 1 kg de alimento

SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO
PREFEITURA DE ARARAQUARA

Amanger Cadavre

House Goes Down

Cobra Spell

The Troops

Vazio

Tormenta

Compartilhe :

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sesi Araraquara joga pelo bicampeonato da Liga de Basquete Feminino

Handebol feminino conquista 7º lugar no Brasileiro

Câmara realiza Sessão Ordinária nesta terça (23); saiba o que será votado

Plano de recapeamento avança no Jardim Universal

Seguem em andamento obras da unidade de saúde do Santana

CATEGORIAS