Adiamento de consultas oftalmológicas pode causar danos

0
21
Foto: Internet

Pesquisa britânica mostra que 1 em cada 5 pessoas deixou de cuidar da saúde ocular durante a pandemia

Desde o início da pandemia, o comportamento da população em relação aos cuidados com a saúde mudou. Muitas pessoas adiaram consultas e tratamentos, principalmente, por medo de se contaminar. Outro motivo é que muitos procedimentos cirúrgicos eletivos foram cancelados durantes os lockdowns.
Entretanto, esse adiamento de exames e consultas pode ser potencialmente grave para a saúde. Em relação às doenças oftalmológicas, por exemplo, postergar consultas ou tratamentos cirúrgicos, pode significar a perda definitiva da visão.
Segundo a oftalmologista Dra. Maria Beatriz Guerios, especialista em glaucoma, a saúde ocular não deve ser negligenciada, especialmente quando já existe um diagnóstico como o do glaucoma.
“O glaucoma é uma doença potencialmente grave e silenciosa, que pode levar à cegueira irreversível. O acompanhamento médico de um paciente com a doença deve ser frequente. Infelizmente, tivemos muitos casos de atrasos na rotina das consultas no último ano”.
Uma pesquisa realizada pela Fight for Sight, organização britânica dedicada à pesquisa oftalmológica, revelou que 1 em cada 5 pessoas no Reino Unido deixou de visitar um oftalmologista durante a pandemia. Além disso, o estudo mostrou que um terço dos adultos relatou deterioração da visão desde o início da pandemia.

(Leda Sangiorgio – Assessoria de Imprensa – [email protected])

Deixe uma resposta