JORNAL DE ARARAQUARA
  • Fundado em 1991
  • Diretor: Geraldo Polezze
  • Vice-diretora: Marilene Volpatti
  • E-mail: redacao@jornaldeararaquara.com.br
ENTRE EM CONTATO

Boletim do Comitê de Contingência do Coronavírus - 3 de julho de 2020

O Comitê de Contingência do Coronavírus Araraquara, instituído por Decreto Municipal, se reuniu nesta sexta-feira, dia 3 de julho, para novas deliberações sobre as medidas de combate à transmissão da Covid-19.

O Comitê avalia e destaca a eficácia da ampla testagem de pacientes para diagnóstico da Covid-19 que vem sendo realizada em Araraquara desde o início da pandemia. Essa estratégia tem sido fundamental no enfrentamento da doença na cidade, porque possibilita o diagnóstico precoce, reduzindo a transmissão da doença, e também a internação preventiva, que pode evitar complicações no quadro clínico do paciente e morte, além de manter os familiares e comunicantes em observação e monitoramento.

Além disso, é possível saber a susceptibilidade da população, ou seja, a situação epidemiológica do município, o que inclusive serve de base para a flexibilização das atividades econômicas.

De acordo com balanço realizado pelas autoridades de saúde do município, até dia 1º de julho, já foram feitos 8.300 testes na cidade, o que representa 3.516 testes para cada 100 mil habitantes Araraquara tem estimativa populacional de 236.072 pessoas, segundo o IBGE.

Do total de testes, 4.281 foram feitos em parceria com a Unesp, coletados em pacientes com sintomas da doença, pelo método RT-PCR, e 4.019 foram testes rápidos em parceria com a Uniara para detectar o percentual de pessoas que já desenvolveram anticorpos contra o novo coronavírus. Não estão contabilizados os exames realizados em laboratórios particulares.

Essa estatística coloca Araraquara acima da média nacional. Até o momento, o Brasil realizou pouco mais de 3.2 milhões de testes para uma população de cerca de 212.5 milhões habitantes. Isso significa que são 1.518 testes a cada 100 mil habitantes. O número araraquarense ainda é superior ao registrado pela Coreia do Sul, um dos países mais reconhecidos mundialmente pelo trabalho realizado desde o início da pandemia em diagnóstico e monitoramento de infectados. Por lá, o índice de testagem é de 2.528 por 100 mil habitantes.

A ampla testagem também colabora para um diagnóstico mais exato da transmissão da Covid-19 e para um índice de letalidade mais fiel à realidade, de aproximadamente 1% a 1,5% de todos os contaminados.

No site da Fundação Seade, do Governo do Estado, Araraquara aparece entre os municípios do estado com as menores taxas de letalidade.

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA

Araraquara registrou mais 18 casos confirmados de Coronavírus nesta sexta-feira, dia 3 de julho. Portanto, o município possui hoje 1.041 casos notificados da doença. Aguardam resultado de exames 142 amostras. Do total de confirmados, 194 permanecem em quarentena e 816 já saíram.

Hoje, 42 pacientes estão internados. Destes, 38 estão em enfermaria 4 suspeitos e 34 casos confirmados. E 4 pacientes estão internados em UTI 1 suspeito e 3 confirmados. Do total de 42 internados, 36 são moradores de Araraquara e 6 são de outros municípios e foram transferidos para hospitais da cidade.

Foram notificados, até o momento, 13 óbitos decorrentes de Coronavírus. Não há caso em investigação.

Destacamos que os casos suspeitos e confirmados, assim como seus comunicantes, estão sendo monitorados pela Secretaria Municipal da Saúde. O objetivo é orientar e cobrar o cumprimento da quarentena.

Os dados sobre os bairros com casos confirmados e o perfil dos positivados podem ser consultados em link disponibilizado pela Prefeitura, em parceria com o grupo Urbie, Grupo de Inovação e Extensão em Engenharia Urbana.

(https://arcg.is/neO5H)

As informações oficiais sobre o enfrentamento do Coronavírus no município estão no site www.araraquara.sp.gov.br e nas redes sociais da Prefeitura Instagram e Facebook. (Secretaria Municipal de Comunicação - Prefeitura de Araraquara)