JORNAL DE ARARAQUARA
  • Fundado em 1991
  • Diretor: Geraldo Polezze
  • Vice-diretora: Marilene Volpatti
  • E-mail: redacao@jornaldeararaquara.com.br
ENTRE EM CONTATO

Mesa do Editor

gepol

01- EM COMUM

Edição impressa e digital, nesta semana, de novo com número recorde de acessos. Obrigado pelo estímulo ao trabalho de pinçar principais fatos da semana. Isso é feito nesses 28 anos.

02- PROGRAMA DO BIAL

Nesta semana o programa destacou a relação entre raças especificamente negra e branca focando Estados Unidos e Brasil (14% negra nos Estados Unidos e 56% no Brasil). Bom senso indica conviver democrática e fraternalmente.

03- VALE A IGUALDADE

Com a esperança de caminhar de mãos dadas na construção de um mundo melhor e mais humanizado, portanto, mais fraternal.

04- PRÁTICA DO DIA A DIA

A questão de relação começa com a criança que, desde cedo, merece ensinamentos ligados à fraternidade. Falar sobre valores elevados, todos fugindo da discussão sobre a cor de pele.

05

VINGANÇA RACIAL

Vários líderes negros mostram-se gigantescos ao defender relação sem conflitos e vinganças. Essencial é a união em busca da justiça e igualdade.

06 - SEGURAS NAS MÃOS

Partindo para caminhos que levam ao sagrado, onde se encontram pessoas de todas as raças, a convergência é salutar para somar.

07- COCA EM PLANO ELEVADO

Vários tópicos de real importância têm sido ventilados, pelas páginas dos J.A. com assinatura do Professor Coca Ferraz. Isso faz bem, oxigena a discussão pré-eleitoral.

08- EDINHO NA TORCIDA

O atual prefeito não esconde a vontade de buscar o quarto mandato. Faz as contas: Professor Coca Ferraz, ex-esposa Edna Martins, ex-prefeito Marcelo Barbieri ou guerreiro Nino (fiel escudeiro), além de outra meia dúzia que vai dividir o eleitorado. Dividindo... Edinho leva!

09- PAPA FRANCISCO

Faz homenagem ao George Floyd, recentemente assassinado por um policial americano. Diz o chefe dos Católicos: "racismo é intolerável". O Papa oriundo da vizinha Argentina está certo: por que valorizar a cor da pele?

10- IMPEACHMENT DO PRESIDENTE

OAB discute instrumento jurídico para cassar mandato do presidente Bolsonaro. Por mais motivos que se adicionam para lastrear a ação, o mandato conseguido com quase 60 milhões de brasileiros merece mais respeito. O poder vem do povo e em seu nome é exercido. Então... OBRIGADO aos que chegaram até aqui e bom final de semana.