JORNAL DE ARARAQUARA
  • Fundado em 1991
  • Diretor: Geraldo Polezze
  • Vice-diretora: Marilene Volpatti
  • E-mail: redacao@jornaldeararaquara.com.br
ENTRE EM CONTATO

INTERNAUTA

PRIORIDADE DO EDINHO

Prefeito Edinho deu uma entrevista ao Jornal O Estado, dizendo ser prioridade um trabalho a favor do ex-presidente Lula, tirando-o da cadeia. Me desculpe, o prefeito deveria sanar a dívida da prefeitura que é jogada para o ex-prefeito Barbieri e ele a devolve num chove não molha que ofende a inteligência popular. Vamos cuidar de Araraquara, para isso foi eleito. A cidade continua deixando a desejar. Primeiro Araraquara, depois assuntos partidários. É meu pensar. (Nivaldo)

NÃO ADIANTA CHORAR

Os políticos reclamam, claro que o povo está cansado. Vejam o que fizeram os senhores deputados de São Paulo, incluindo nossos representantes Márcia Lia e Roberto Massafera: votaram a favor de aumento de parte de funcionários públicos numa época de máxima escassez de dinheiro. Convenhamos, não querem o respeito do povo. Fora toda essa gente que faz da política uma carreira bem sucedida. (Fábio)

QUERIA ENTENDER

Por que o governo colocou as forças armadas para tirar os caminhoneiros das estrada? Cobraram multas exorbitantes que os coitados não poderão pagar. Enquanto isso a Samarco destruiu um povoado, matou 14 pessoas e acabou com a vida do Rio Doce, mas, até hoje nada lhe aconteceu. Que forças estranhas são essas? (Carmem)

POR ECONOMIA?

STF deixa povo com boa aberta. Na última quarta feira proibiu uso de impressoras para comprovar votos das urnas. Uma instituição que deveria cuidar da população, ficar ao lado, vira as costas? O Brasil precisa com urgência ser devolvido a Portugal e começar tudo de novo. Falando em Portugal, pesquisa recente o colocou em quarto lugar no mundo em segurança. Brasil no 103º lugar. Precisa dizer mais? (Graça)

FOI SACRIFICANTE

Caminhoneiros pararam o País. Certíssimos se tivessem conseguido seus objetivos. Governo Temer, dizem, ficou só na promessa. (Reinaldo)

BRASIL DOS QUE MANDAM

Ministros do STF têm Sala Vip no aeroporto de Brasília. Não ficam com os demais passageiros na hora do embarque. São levados de van até ao avião e embarcam por escada lateral. O custo anual dessa regalia será de R$ 374 mil. Seria medo do povo? (Sara)