INÍCIO
BRASIL
CIDADE
CULTURA
GERAL
COLUNAS



Teste o seu Português (480)
Atualizada 10 de novembro de 17 |  Comentários -   E-mail | Imprimir | Permissões e Reproduções | Assine matérias como esta | Compartilhar no facebook Siga Jornal de Araraquara no Twitter

Profª. Drª. Terezinha Bellote Chaman (*)

"A maior desgraça de um país pobre é que, em vez de produzir riqueza, vai produzindo ricos."

Mia Couto é considerado um dos escritores mais importantes de Moçambique África, sendo o seu escritor mais traduzido. Em muitas das suas obras, tenta recriar a Língua Portuguesa com uma influência moçambicana, utilizando o léxico de várias regiões do país e produzindo um novo modelo de narrativa africana. Leia o texto abaixo e tire suas próprias conclusões.

"Preocupa-nos que os nossos estudantes entrem para a universidade com fraco desempenho acadêmico. Pois, eu acho mais preocupante ainda que os nossos jovens cresçam sem referências morais. Estamos empenhados em assuntos como o empreendedorismo, como se todos os nossos filhos estivessem destinados a serem empresários. Ocupamo-nos em cursos de liderança, como se a próxima geração fosse toda destinada a criar políticos e líderes. Não vejo muito interesse em preparar os nossos filhos em serem simplesmente boas pessoas, bons cidadãos do seu país, bons cidadãos do mundo.

Escrevi uma vez que a maior desgraça de um país pobre é que, em vez de produzir riqueza, vai produzindo ricos. Poderia, hoje, acrescentar que outro problema das nações pobres é que, em vez de produzirem conhecimento, produzem doutores (até eu, agora, já fui promovido..,) . Em vez de promover pesquisa, emitem diplomas. Outra desgraça de uma nação pobre é o modelo único de sucesso que vendem às novas gerações. E esse modelo está bem patente nos videoclipes que passam na nossa televisão: um jovem rico e de maus modos, rodeado de carros de luxo e de meninas fáceis, um jovem que pensa que é americano, um jovem que odeia os pobres porque eles lhes fazem lembrar a sua própria origem.

É preciso remar contra toda essa corrente. É preciso mostrar que vale a pena ser honesto. É preciso criar histórias em que o vencedor não é o mais poderoso. Histórias em que quem foi escolhido não foi o mais arrogante, mas o mais tolerante, aquele que mais escuta os outros."

Teste seu Português:

01 S, que letrinha interessante! É a 19.ª letra do alfabeto.

A palavra do__iê se escreve:

a ( ) com dois ss?

b ( ) com um s?

02 No preparo do salpicão é preciso retirar os fiapos do _______.

a ( ) salção;

b ( ) saução;

c ( ) salsão;

d ( ) sausão.

03 Existe alguma frase correta? Ou serão as duas?

a José não disse "nem um obrigado", após o discurso.

b Marta não disse "nem um obrigado", após o discurso.

04 Brioche é um pãozinho muito macio, feito com farinha, açúcar, ovos, manteiga e fermento.

Em bom português, devemos dizer:

a ( ) a brioche;

b ( ) o brioche.

05 O professor falou sobre ovóides (em forma de ovo):

a ( ) do erva-doce;

b ( ) da erva-doce.

06 No domingo passado, assisti a um filme com muito ________ e repleto de cenas de ________.

Como fica:

a ( ) suspence tenção;

b ( ) suspense tensão;

c ( ) suspensse tenssão.

07 Como se escreve: revezamento ou revesamento? Revezar ou revesar?

a ( ) com z;

b ( ) com s.

08 Conheço uma serralheria ___________, com peças magníficas.

a ( ) artezanal;

b ( ) artesanal.

09 Você sabe como se chama a semente aromática que vem da moscadeira?

a ( ) nosmoscada;

b ( ) nozmoscada;

c ( ) noz moscada;

d ( ) noz-moscada.

10 O iogurte é uma __________ feita de leite fervido, obtida por meio de fermentos especiais.

a ( ) qualhada;

b ( ) quoalhada;

c ( ) coalhada;

d ( ) cualhada.

(*) Pesquisadora do GEPEFA Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Famílias.

OBS.: não deixe de assistir ao "Teste seu Português", no canal You Tube ou pelo Facebook - www.facebook.com/testeseuportuguesonline Agora também na TV UNIARA, assista pelo canal aberto 55 ou tvuniaraararaquarayoutube

RESPOSTAS

Resp 1.: a - A palavra dossiê escreve-se com dois ss.

Dois ss para dossiê, osso, discussão.

Um s para análise, cansaço.

Resp 2.: c - No preparo do salpicão é preciso retirar os fiapos do salsão.

O salsão (=aipo).

Resp 3.: As duas frases estão corretas.

"Nem um obrigado": trata-se de uma expressão substantivada, masculina. Cf. Neves à p. 551.

Resp 4.: b O brioche é um pãozinho muito macio...

Em bom português, devemos dizer o brioche.

O brioche (substantivo masculino).

Resp 5.: b O professor falou sobre ovóides da erva-doce.

A erva-doce (nome feminino).

Resp 6.: b No domingo passado, assisti a um filme com muito suspense e repleto de cenas de tensão.

Suspense (= ato de intensificar, no leitor ou espectador, a emoção).

Tensão (= estado de grande concentração física ou mental).

OBS.: Tenção (= intento, plano, propósito).

Resp 7.: a Revezamento com z (= troca de posição, alternância)

Revezar com z (= substituir alternadamente).

Resp 8.: b Conheço uma serralheria artesanal, com peças magníficas.

Observe: Artesão, artesã, artesanato, artesanal (com s).

Resp 9.: d - A semente da moscadeira é a noz-moscada.

A noz-moscada: palavra feminina, com hífen.

Resp 10.: c - O iogurte é uma coalhada feita de leite fervido...

Coalhada (iogurte, leite coagulado).

OBS.: Colunista semanal dos jornais Diário do Grande ABC (SP)~e Jornal de Araraquara (SP), Jornal Independente Dois Córregos (SP), Tribuna do Norte Natal (RN), Jornal de Nova Odessa (SP), Diário da Franca Franca (SP) e Diário de Sorocaba Sorocaba (SP) Jornal de Itatiba Itatiba (SP) O Liberal Regional Araçatuba (SP) Diário da Serra Tangara da Serra (MT).


Copyright 2017 JORNAL DE ARARAQUARA. Todos os direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem permissão explícita do detentor dos direitos autorais.


Regras para comentários: Respeite outros leitores de nossa comunidade, portanto faça apenas comentários inteligentes e civilizados. Não ataque outros leitores pessoalmente e utilize sempre uma linguagem de alto nível.

Login: Identifique-se para deixar um comentário Log in | Registre-se
Título:
Comentários: (Seja o primeiro a comentar)

 






Direitos Reservados (c) 2017 - JORNAL DE ARARAQUARARA LTDA