JORNAL DE ARARAQUARA
  • Fundado em 1991
  • Diretor: Geraldo Polezze
  • Vice-diretora: Marilene Volpatti
  • E-mail: redacao@jornaldeararaquara.com.br
ENTRE EM CONTATO

Mesa do Polezze

O prefeito não gosta do contraditório, prefere as redes sociais onde fala e fala ratificando a sua verdade de líder absoluto. Seria eufemismo de ditador? Claro que não, acreditamos na qualificada humildade de seu tempo no Jardim Imperador quando ganhou cadeira de vereador.

01- PREFEITURA de Araraquara: "trabalha num intenso diálogo com a Câmara e população sobre atualização da Planta Genérica de Valores e combate à especulação imobiliária. O prefeito Edinho tem um perfil de muito diálogo, jamais tendo fechado as portas do seu gabinete".

Resp. Cargos petistas subiram-lhe à cabeça, mataram a santa humildade.

02- PLANTA GENÉRICA DE VALORES: "precisa ser atualizada, seja através do diálogo entre Executivo e Legislativo ou mesmo através de imposição de órgãos tornando ilegal a renúncia de

receitas".

Resp. Com tantas investiduras, Edinho não soube dosar a apresentação do PGV e nem quantificar majoração. Por isso a difícil confiabilidade.

03- ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO EM 2006: "contrariando orientação do Tribunal de Contas do Estado de que seja feita de quatro em quatro anos. A cidade não pode continuar fechando os olhos para órgãos fiscalizadores".

Resp. Tribunal de Contas é para assessorar legisladores, não tem caráter punitivo direto ao município.

04- NOVA PGV: "cidade ganha com valorização de imóveis e prestação de serviços de qualidade na Saúde, Educação, Infraestrutura e manutenção da cidade devolvendo referência em qualidade de vida".

Resp. Parece conversa de palanque, tenta atingir De Santi que acreditou no Jardim Roberto Selmi-Dei que atende milhares de famílias.

05- A PRIMEIRA PARA SE VIVER: "em 2007, pesquisa da Firjan e 9ª do Brasil no IDI (Índice de Desenvolvimento Infantil), segundo a Unicef, em 2006".

Resp. Edinho se esquece de que espírito do povo ficou diferente após passagem petista no comando brasileiro. Autoestima se evaporou.

06- SITUAÇÃO "FALIMENTAR": "encontra-se a nossa cidade com uma dívida herdada de R$ 190 milhões (INSS), R$ 17 milhões (PASEP), R$ 87 milhões (fornecedores), R$ 23 milhões (extinta CTA) e R$ 40 milhões (déficit no orçamento, elaborado pelo Executivo e aprovado pela Câmara em 2016".

Resp. Só tem um jeito de buscar a verdade, vereadores aprovam CPI e colocam Barbieri e Edinho cara a cara, com jornalistas.

07- GRANDES PROPRIETÁRIOS: "enriquecem com 1.200 áreas não utilizadas e milhares de pessoas jogadas a quilômetros de distância do centro. Sem equipamento social".

Resp. Diz nota do prefeito "desrespeito e sofrimento do povo na região do Valle Verde. Mais de 20 mil famílias vivem num local sem escola, creche, posto de saúde, estrutura urbana e social". Por que desejou ser prefeito?

08- ATUAL ADMINISTRAÇÃO: "vai continuar combatendo esse modelo de desenvolvimento onde há áreas com infraestrutura na zona urbana e, muitas vezes, a população é literalmente jogada em regiões distantes".

Resp. Prefeito diz que continuará "investindo no diálogo com os Vereadores e com a sociedade a fim de buscar soluções para o bem da cidade, onde os interesses públicos sejam colocados acima das aspirações partidárias". Como assim, gritando que vai sair às ruas para jogar povo contra vereadores?

09- APOTEÓSE MENTAL pode ser entendida como estágio comportamental onde "paciente" se coloca acima dos ditos normais. Amigos com essa eventual anomalia merecem compaixão, oração e terapia. Vamos morrer... deixaremos saudade?

10- CIDADE SUJA, com elevada poluição visual e prefeito (da atual administração) também não faz nada. Até parece seguir passos de Marcelo Barbieri e população sente-se desrespeitada. OBRIGADO aos que chegaram até aqui e bom final de semana. Com generosidade sempre!